Ótica Perfil

Produtores buscam proteger a Castanha de Caju do povoado Carrilho da falsa indicação do produto no mercado

Combate à Pirataria | 21.09.2018 às 04:20h

Na última quarta-feira (19), o trabalho de beneficiamento de castanhas de caju do povoado Carrilho, município de Itabaiana, no Agreste sergipano, tornou-se tema de dissertação de mestrado no Campus São Cristóvão da Universidade Federal de Sergipe (UFS).

Jefferson Campos Pinto, mestre em Ciência da Propriedade Intelectual, defendeu a proteção das Castanhas do Carrilho, por meio do registro de sua Indicação Geográfica, junto ao Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI) que assegura o produto no mercado e garantindo sua qualidade associada à origem, reprimindo contra as falsas indicações. O estudo servirá de base para o pedido deste registro, que trará maior visibilidade e investimentos para a região.

Sergipe conta atualmente com apenas uma indicação geográfica que é referente à Renda Irlandesa em Divina Pastora (SE), e através de incentivos como este somados às ações de outros órgãos, nosso Estado poderá ganhar mais visibilidade e competitividade no agronegócio e comércio de produtos regionais.

Diante da sua representatividade gastronômica, a Castanha de Caju do povoado Carrilho já representou o Brasil durante uma feira realizada na cidade de Lion, na França.

O produto genuinamente sergipano esteve presente no Salon Internacional de la Restauration de I'hôtellerie et de I'alimentacion (Sirha), considerado pelos críticos internacionais como o maior evento das indústrias de gastronomia, hotelaria e food service do mundo.

A castanha de caju do Carrilho foi o único produto sergipano selecionado para representar o Estado na feira gastronômica da França, ocorrida em janeiro de 2017. (Foto: Divulgação)

A Castanha de caju do povoado Carrilho recebeu, por meio de Projeto de Lei aprovado por unanimidade em 2017 na Assembleia Legislativa de Sergipe, o título de patrimônio imaterial do Estado de Sergipe.

Da redação: Gilson de Oliveira com informações de Jefferson Campos Pinto
Contatos: gilsondeoliveira@gilsondeoliveira.com.br
WhatsApp: (079) 9-9977-1266 (Esse número não recebe ligações)
*Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

 

comentários

WhatsApp: (79) 99977.1266
Email: gilsondeoliveira@gilsondeoliveira.com.br
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2020 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva