Ótica Perfil

Vereador da oposição tenta ironizar o atual gestor do município de Itabaiana e o feitiço vira contra o feiticeiro

Bate-cabeça | 17.09.2015 às 21:07h

Quem acompanha as sessões da Câmara Municipal de Itabaiana na atual legislatura pôde conferir grandes pérolas por parte dos que fazem a bancada de oposição na Casa. O grupo que tem a liderança da vereadora Ivoni Lima de Andrade (PMDB), muitas vezes leva críticas sem fundamentos a público, e passam vexame visando apenas criticar, por obrigação, a atual gestão do prefeito Valmir de Francisquinho.


Olivério ChagasNa manhã desta quinta-feira, dia 17, o protagonista da cena foi o petista Olivério Ferreira das Chagas, irmão do secretário de estado do meio ambiente, Olivier Chagas. O parlamentar teceu críticas pelo fato da portaria 457 de 17 de abril de 2015, do Ministério da Saúde, suspender a transferência de incentivos financeiros para o Programa de Saúde da Família (PSF). "Ele não é o bambambam? A bola da vez?", indagou o parlamentar ironizando Valmir quanto gestor.


O fato é que a suspensão da transferência deu-se por conta de uma fiscalização realizada no ano de 2004, quando o município estava sob o comando do ex-prefeito Luciano Bispo de Lima, pela Controladoria Geral da União, onde a mesma encontrou diversas irregularidades durante a inspeção que foi feita em unidades de saúde. O caso que mais chocou o ministério foi o fato de que no povoado Prensa, o posto médico funcionara num estabelecimento comercial conhecido por "Bar da Feijoada".


O fato foi exposto pelo vereador José Teles de Mendonça (SDD) e deixou Olivério sem ação, que em seguida desconversou e tentou entrar na discursão de quem é a liderança do grupo de situação. Mas Zé Teles foi enfático: "Vamos voltar à saúde"! Disse o mesmo constrangendo, ainda mais, o parlamentar petista.


Em seguida, foi a vez do vereador João Cândido Sobrinho (PSB) rebater as críticas proferidas por Olivério Chagas. "Eles quiseram criar uma situação politiqueira atribuindo a culpa ao atual prefeito, Valmir de Francisquinho. Eu interpreto isso como um desrespeito tamanho à sociedade. Ninguém elege político para ser enganado", finalizou o parlamentar que é líder de situação na Casa.


Por Junior Carvalho / Feira da Notícia


Você pode contribuir com o portal enviando informações para:
E-mail: gilsondeoliveira@gilsondeoliveira.com.br
WhatsApp: (079) 9660-2561 (Disponível apenas para mensagens de textos e fotos)


* Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

 

comentários

WhatsApp: (79) 99977.1266
Email: gilsondeoliveira@gilsondeoliveira.com.br
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2020 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva