Ótica Perfil

Pedido de habeas corpus em favor de Sukita é negado pela Justiça

CONTINUA PRESO | 05.07.2014 às 05:16h

O Tribunal Regional Federal da 5.ª Região, sediado em Recife (PE), negou na tarde de quinta-feira, 03, o pedido de Habeas Corpus impetrado na justiça em favor do ex-prefeito do município sergipano de Capela, Manoel Messias Sukita Santos (PSB), preso pelas policias Federal e Civil do Estado de Sergipe há um mês, juntamente com José Edivaldo dos Santos, ex-secretário municipal de Finanças do município capelense, a empresária Clara Miramir Santos, irmã do ex-prefeito, e Silvany Yanina Mamlak ex-secretária municipal e esposa de Sukita.

 

Capela


Recentemente, o TRF acatou o pedido de Habeas Corpus e concedeu a soltura de Clara Miramir e Silvany Yanina, para que possam responder o processo em liberdade.


Os quatro foram presos durante a Operação Pop realizada no dia 03 de junho por suspeita de desvio de cerca de R$ 3 milhões na gestão do ex-prefeito de Capela.


AVISO:
BASEADO NA LEI DOS "DIREITOS AUTORAIS" É EXPRESSAMENTE PROÍBIDA A REPRODUÇÃO TOTAL OU PARCIAL DESTE E OUTROS ARTIGOS SEM OS DEVIDOS CRÉDITOS DO SEU AUTOR.

Da redação:
Mais Política
Comentários
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2018 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva