Domingo, 11 de dezembro de 2016
Itabaiana-SE, Mín: 24ºC | Máx: 30ºC

Proposta patronal é rejeitada por jornalistas e radialistas

NEGOCIAÇÃO SALARIAL | 31.10.2010 às 11:22h
Em assembleia conjunta realizada na noite da última quarta-feira, dia 27, na sede do Sindicato dos Radialistas, localizada à Avenida João Ribeiro, em Aracaju (SE), os jornalistas e radialistas reprovaram, por unanimidade, a contraproposta apresentada pelos patrões da comunicação na última terça-feira, dia 26, que apresentava como proposta de reajuste INPC acumulado mais 0,25%, além de itens de interesse apenas patronal, e nenhum de interesse dos trabalhadores.

A assembleia também deliberou por realizar um ato público contundente, na próxima sexta-feira, 05/11, na porta de uma das empresas de comunicação do Estado, para chamar a atenção da sociedade para as péssimas condições salariais das duas categorias e para a falta de diálogo do patronato no que diz respeito à pauta de reivindicações apresentada pelas categorias no início do ano.

De acordo com o presidente do Sindicato dos Jornalistas de Sergipe, George Washington Silva, há oito meses que as duas categorias estão tentando negociar os itens em pauta e até o momento não houve nenhum avanço.

Atualmente o piso salarial para um profissional de comunicação no Estado de Sergipe da área artística (Locutor) é de apenas R$ 834,92.


A utilização deste e outros artigos deve respeitar a Lei dos Direitos Autorais. Sua veiculação está previamente autorizada desde que as informações autorais sejam citadas.
Da redação:
Mais Política
Comentários
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2016 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva