Ótica Perfil

Assessores faltam ao trabalho para tentar pressionar os desembargadores do TJ/SE

Afronta Justia | 20.02.2019 às 21:27h

Funcionários comissionados da prefeitura de Itabaiana deixaram seus locais de trabalho, na manhã de terça-feira, 19, para participar de uma manifestação em frente ao Tribunal de Justiça, em Aracaju, onde ocorreria a votação de um recurso do prefeito afastado, Valmir de Francisquinho, que reivindica seu retorno ao cargo.

Dentre os manifestantes, familiares do secretário de Comunicação, Alex Henrique, inclusive, sua irmã, Elizamara Souza Ferreira, diretora de um dos principais postos de saúde do município, o Souto Diniz, localizado na sede.

Distante de ser uma manifestação do povo de Itabaiana, como afirmaram alguns assessores da prefeita, o ato contou com cerca de 11 pessoas, sendo grande parte, de comissionados.

Os Comissionados

Estavam presentes, Gilmara Faria de Jesus (assessora especial, exercendo o cargo de diretora do posto de saúde do bairro Queimadas), Elizamara Souza Ferreira (Assessora especial, exercendo o cargo de diretora do posto de saúde Souto Diniz), Gildete Menezes (Assessora), Thalita Gabriela Rodrigues Ferreira (Assessora especial IV), Maria Selma Santos Silva (Assessora especial V), além de mais dois irmãos do secretário de Comunicação , André e Priscila Ferreira, que não são do quadro, mas fazem oposição radical a Valmir de Francisquinho.

Vale ressaltar que os comissionados Maria de Fátima Andrade dos Santos e Antônio Carlos Carneiro Rios, cujo decreto de nomeação foi junto com o de Gilmara, não estavam na manifestação.

Todos os manifestantes usavam camisas com frases ofensivas ao prefeito afastado, Valmir de Francisquinho, e em algumas, constava até o nome do desembargador Diógenes Barreto, relator do caso. Procurado pela reportagem, Valmir preferiu não se pronunciar, mas o vereador Marcos Oliveira, seu líder na Câmara, lamentou o ódio demonstrado pela prefeita Carminha Mendonça e seus aliados, afirmando que Valmir só fez o bem ao povo de Itabaiana, por isso, a manifestação foi um fracasso: "o povo está com quem trabalhou e melhorou a qualidade de vida da população.

Concluindo, Marcos citou uma fala famosa de autoria do saudoso deputado Ulysses Guimarães: "não se pode fazer política com o fígado, conservando o rancor e os ressentimentos na geladeira. A Pátria não é capanga de idiossincrasias pessoais. É indecoroso fazer política uterina, em benefício de filhos, irmãos e cunhados. O bom político costuma ser meu parente". "Esse ódio não é de Deus, disse Marcos.

Da Redação: Espaço Livre Notícias
Contatos: gilsondeoliveira@gilsondeoliveira.com.br
WhatsApp: (079) 9-9977-1266 (Colabore com sugestões, fotos e vídeos)
*Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

 

comentários

WhatsApp: (79) 99977.1266
Email: gilsondeoliveira@gilsondeoliveira.com.br
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2019 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva