Ótica Perfil

Por meio de nota, delegado Marcelo Hercos, presta contas do período em que esteve na coordenação da Delegacia Regional

Depois de 14 meses | 02.05.2016 às 16:04h

Prezados Jornalistas e demais,

Faço uso deste para prestar contas aos munícipes de Itabaiana acerca do trabalho que fora desenvolvido ao longo de cerca de 14 meses em que estive à frente da Delegacia Regional de Itabaiana, o que farei pontuando as questões:

1. DA AUSÊNCIA DE FUGAS DA DELEGACIA: Antes de minha chegada ocorreram fugas de custodiados na unidade policial. Buscando evitar esse grave problema foram tomadas as seguintes medidas: elaboração de uma portaria que regulamentou o acesso aos presos e inibiu a entrada de objetos na unidade policial. Colocação de sistema de câmeras no entorno e dentro da regional e colocação de cerca elétrica nos fundos da unidade. RESULTADO ZERO FUGAS E ZERO TENTATIVAS DE FUGA.

2. DO CAOS DO CARTORÁRIO AO ESVAZIAMENTO DO PASSIVO: Recebi o meu setor com quase 300 procedimentos em aberto, dentre boletins de ocorrência, inquéritos e outros que me foram passados em carga. Conseguimos mediante mutirão e esforço de toda a equipe, reduzir o passivo para menos de vinte procedimentos sendo que nenhum deles é de minha autoria. Nenhuma cota judicial ou promotorial será repassada em carga, todas concluídas. O objetivo era exterminar esse passivo nos próximos meses.

3. DO DESTAQUE NO NÚMERO DE PROCEDIMENTO ENVIADOS À JUSTIÇA: A regional de Itabaiana foi destaque durante o período no que tange à número de procedimentos enviados à justiça. Segundo os dados enviados pelo CEACRIM da SSP, Itabaiana liderou no âmbito do interior o número de inquéritos encaminhados à justiça mês a mês. O setor comandado por este prestador de contas foi fundamental nessa empreitada.

4. DO NÚMERO DE PRISÕES REALIZADAS PELA REGIONAL DE ITABAIANA: FORAM 193 PRISÕES. Dentre homicidas, traficantes, assaltantes e outros criminosos. Ao todo, a polícia civil através da regional de Itabaiana protagonizou 193 prisões.

5. DA ELUCIDAÇÃO DOS CRIMES DE LATROCÍNIO: todos os crimes de latrocínio ocorridos durante o período foram elucidados e os inquéritos encaminhados à justiça.

6. DO RECONHECIDO COMBATE AO TRÁFICO DE DROGAS: foram cerca de 20 quilos de droga apreendidos pelo setor de entorpecentes, além de termos desbaratado inclusive pontos de refinamento de cocaína e crack com a apreensão de equipamentos usados para a preparação dos entorpecentes. Alguns traficantes que não conseguimos prender acabaram se mudando da cidade em razão do trabalho que fora desempenhado.

7. DA APREENSÃO DE ARMAS DE FOGO: foram aproximadamente 50 armas de fogo apreendidas exclusivamente pelo setor comandado por este delegado. Com destaque para pistolas e uma submetralhadora de origem estrangeira.

8. DA PRISÃO DOS INDIVÍDUOS QUE ESTAVAM ROUBANDO CHÁCARAS NOS POVOADOS. Em uma operação realizada no ano passado com o apoio da COPCI conseguimos prender os indivíduos que estavam aterrorizando os donos de fazendas, chácaras, sítios da zona rural neste município.

9. DA PRISÃO E APREENSÃO DE INDIVÍDUOS ENVOLVIDOS EM ROUBO DE CARGA: Em outra operação deflagrada conseguimos apreender vultosa quantidade de carga roubada, ocasião em que dois indivíduos foram presos e o principal responsável indiciado pelo crime

10. DA PRISÃO DE SUSPEITOS DE ENVOLVIMENTO EM ASSALTO BANCÁRIO NA BAHIA: Neste ano protagonizamos a prisão de quatro indivíduos que se encontravam escondidos em uma casa em um povoado e com eles foram apreendidas armas de fogo. Depois descobrimos que tais indivíduos estariam supostamente envolvidos em um assalto bancário ocorrido na bahia ocasião em que houve troca de tiros com policiais locais, sendo a informação repassada ao

Analisando os números fornecidos pelo CEACRIM através do BOLETIM INFORMATIVO da Corregedoria de Polícia podemos perceber que a unidade manteve sempre destaque no que tange à mandados de prisão cumpridos, apreensão de armas e drogas.

No que tange ao crescente de homicídios no município é sabido que a unidade passou por e ainda passa por deficiência de efetivo no setor, os profissionais que laboram no setor foram verdadeiros heróis por isso rendo minhas homenagens ao colega e amigo Allan Faustino e equipe e ao atual responsável o Delegado Marcos Garcia.

Ainda me cabe agradecer a todos os servidores que compuseram a unidade policial pelo empenho no exercício de suas atividades. Um especial agradecimento ao estagiário Igor Mendonça pelo brilhantismo e dedicação irrestrita às suas responsabilidades.

Mais uma vez o sentimento é positivo, o legado que deixamos é esse, aos subjetivistas de plantão meu sincero desejo de sucesso em suas vidas.

Ao povo (os homens e mulheres de bem que compõem a imensa maioria) de Itabaiana a quem dediquei dois anos e meio do meu trabalho meu profundo agradecimento. Foram várias as prisões que aconteceram em virtude dos disques denúncias (181).

Pelos erros, peço desculpas a quem quer que tenha ofendido

Até breve...

Sinceramente,

Marcelo Hercos

 

Da redação:
Mais Notícias
Comentários
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2017 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva