Sábado, 03 de dezembro de 2016
Itabaiana-SE, Mín: 22ºC | Máx: 29ºC

Bebê do Agreste Sergipano nasce em maternidade de Aracaju com dois órgãos sexuais

Caso raro | 06.12.2015 às 06:59h

Na madrugada de sexta-feira, dia 04, um bebê nasceu na Maternidade Santa Isabel, em Aracaju (SE), com dois sexos. Os pais, cujos nomes não foram divulgados pela assessoria de comunicação da Maternidade para preservar a criança, residem no município de São Domingos, distante 72 quilômetros da capital sergipana.


"É um caso muito raro e grave", informa a coordenadora da Unidade de Tratamento Intensivo Neonatal (UTIN), Andrea Carvalho, ao ressaltar que o recém-nascido passará por um procedimento cirúrgico nos próximos dias, após realização de exames e análises clínicas. "Está sob os cuidados multidisciplinares da UTIN, recebendo toda atenção necessária", acrescenta.


A genitália ambígua, também chamada de intersexo, é uma condição rara em que o órgão genital do bebê não se caracteriza como feminino ou masculino. Isso pode acontecer através da presença de ambos os órgãos genitais ou quando o órgão não foi formado corretamente. Ainda pode acontecer que o órgão genital externo não seja correspondente aos órgãos internos do bebê.


A má-formação não é uma doença, e sim uma condição que afeta o desenvolvimento sexual. Normalmente esta situação é aparente no nascimento ou imediatamente após a ele. Geralmente acontece quando há algum problema na gravidez que interrompe ou interfere no desenvolvimento dos órgãos sexuais do feto.


Com informações de Moema Lopes - Portal Infonet


Você pode contribuir com o portal enviando informações para:
E-mail: gilsondeoliveira@gilsondeoliveira.com.br
WhatsApp: (079) 99660-2561 (Disponível apenas para mensagens de texto e fotos)


* Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

 

Da redação:
Mais Notícias
Comentários
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2016 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva