Ótica Perfil

Mãe perde tutela de filha depois de vídeo com suposta agressão

CASO DE POLÍCIA | 04.09.2015 às 19:24h

O Conselho Tutelar do Município de Poço Redondo, Alto Sertão de Sergipe, distante 156 km de Aracaju, encaminhou a criança que aparece nas imagens do vídeo divulgado na quinta-feira (3), sendo supostamente maltratada pela mãe, para uma instituição.


"Recolhemos a criança e enviamos para uma instituição. A guarda não foi retirada, isso caberá à justiça julgar. Um relatório será enviado ao Ministério Público Estadual para que as devidas providências sejam tomadas. Por enquanto, a criança fica na instituição. No caso, ela perde a tutela da criança de uma forma provisória", explica Fábio Andrade, conselheiro tutelar.


Entenda o caso


Um suposto vídeo de uma mãe agredindo a filha causou uma repercussão no município de Monte Alegre e municípios da região do Sertão de Sergipe, que acabou virando caso de polícia. No vídeo é possível observar a mãe tentando conter o choro do bebê.


Segundo o delegado Jorge Eduardo um inquérito foi aberto após a formalização de uma denúncia na delegacia regional, localizada no município de Nossa Senhora da Glória.


O delegado informou que o vídeo foi gravado no dia 22 de agosto e que após a denúncia, a mãe se dirigiu a delegacia se prontificando a dar explicações do que realmente ocorreu.


Ainda de acordo com Jorge Eduardo, a mãe negou que estivesse agredindo seu filho. O delegado disse também que a mãe foi liberada logo em seguida.


Por fim, Jorge Eduardo irá continuar com as investigações e revelou que a mãe será ouvida pelo Ministério Público e pelo Conselho Tutelar, para definir sobre a guarda da criança.


FONTE: G1 Sergipe
Você pode contribuir com o portal enviando informações para:
E-mail: gilsondeoliveira@gilsondeoliveira.com.br
WhatsApp: (079) 9660-2561 (Disponível apenas para mensagens de textos e fotos)


* Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

 

comentários

WhatsApp: (79) 99977.1266
Email: gilsondeoliveira@gilsondeoliveira.com.br
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2019 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva