Ótica Perfil

Não resistiu: Morre no HUSE suspeito de matar a própria filha com overdose de medicamentos

INTOXICAÇÃO MEDICAMENTOSA | 15.02.2015 às 23:50h

Na tarde deste domingo, dia 15, morreu no Hospital de Urgência de Sergipe (HUSE), Fábio Vieira Santos, 35 anos, suspeito de provocar a morte da própria filha, a criança Sophia de Assis Dantas, com um ano e cinco meses, no último dia 1.º no conjunto João Alves Filho, em Nossa Senhora do Socorro, região metropolitana de Aracaju (SE).

 

envenenamento Aracaju Sergipe


O paciente apresentou piora em seu quadro clínico na sexta-feira, dia 13, e foi transferido da Ala Vermelha para a Unidade de Tratamento Intensivo (UTI), entretanto não resistiu as complicações respiratórias decorrentes de intoxicação medicamentosa.


Mesmo internado, o homem havia sido indiciado por homicídio qualificado em inquérito policial concluído e encaminhado à Justiça pela delegada Tereza Simony, responsável pelo Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP). Para a polícia, a motivação do crime teria sido o fim do casamento.


Após a confirmação do óbito o corpo de Fábio Vieira Santos foi removido da unidade hospitalar para ser autopsiado no Instituto Médico Legal Dr. Augusto César Leite.


O crime


Como não convivia mais com a esposa, Fábio passou o domingo, dia 1.º, com a filha em sua residência no conjunto João Alves Filho, município de Nossa Senhora do Socorro (SE), e horas antes de devolver a criança à mãe, resolveu dissolveu doses excessivas de medicamentos e ofereceu à criança em uma mamadeira, em seguida, ele também ingeriu a mesma.


O caso só foi descoberto no início da noite após a mãe da criança aparecer na casa para buscar a criança, uma vez que a menina não devolvida na hora marcada. Ao chegar à residência e encontrá-la fechada e ele não atender o seu chamado, a mulher decidiu arrombar a porta com a ajuda de vizinhos, quando viu a criança morta e o pai ao lado do corpo desacordado.

 

envenenamento Aracaju Sergipe


O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionado, porém quando a equipe de socorristas chegou ao local foi constatado que a menina já se encontrava sem os sinais vitais. Em seguida, o pai foi encaminhado para o Hospital Regional José Franco, em Nossa Senhora do Socorro, e na madrugada de segunda-feira, dia 02, transferido para o Hospital de Urgência de Sergipe (HUSE), na capital sergipana.


DA REDAÇÃO: Gilson de Oliveira, Mais Notícias

comentários

WhatsApp: (79) 99977.1266
Email: gilsondeoliveira@gilsondeoliveira.com.br
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2019 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva