Ótica Perfil

Aluno de Itabaiana se destaca em olimpíada de Robótica e é selecionado para participar de curso na USP

TALENTO | 15.10.2014 às 11:15h

Itabaiana 

(Foto: Divulgação/IFES)

 

O aluno Paulo Franklin Tavares Santos, do campus Itabaiana do Instituto Federal de Sergipe (IFS), está de malas prontas para embarcar na maior experiência acadêmica de sua vida. Após obter um bom desempenho na prova teórica da Olimpíada Brasileira de Robótica (OBR 2014), o jovem foi selecionado para participar de um curso no Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação da Universidade de São Paulo (USP), que vai acontecer entre os dias 19 e 22 deste mês em São Carlos (SP).

 

A OBR é uma olimpíada apoiada pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) que se divide entre as modalidades prática e teórica. Paulo Franklin obteve as credenciais para participar da etapa teórica, que tem como objetivo capacitar os estudantes para que, no futuro, possam estimular nas suas escolas a participação na modalidade prática. Durante o curso na USP, o aluno do campus Itabaiana vai ter a oportunidade de estudar temáticas como programação, equipamentos de robótica, estruturas de robô e suas múltiplas aplicações.

 

Rotina de estudos

 

A expectativa de Paulo Franklin para a realização do curso é proporcional ao esforço e à dedicação com que encara os estudos. A rotina do aluno é intensa: além das atividades do curso integrado de informática do IFS, que é em tempo integral, ele separa mais uma hora para estudar para eventos científicos como as olimpíadas. "Eu também estou de olho nas provas do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM)", explica.


O engajamento do estudante nas atividades extracurriculares do IFS também foi um fator que contribuiu para a boa performance na OBR. Entre as atividades que já estão no currículo do jovem de apenas 16 anos, estão a participação em um projeto de química ligado à coleta e o tratamento de água e a atuação como monitor da disciplina de lógica de programação. "Tenho mais facilidade com as disciplinas de matemática, química e física e por isso tento me integrar com as atividades voltadas a essas matérias", conta Franklin.


Após tanto envolvimento com a ciência, era natural que despertasse no jovem o interesse em participar de eventos maiores, como a OBR. "A vontade surgiu quando estudei as disciplinas de eletricidade e eletrônica. Obtive bons desempenhos e passei a querer me desafiar, a saber até onde eu era capaz de ir em uma área nova, que eu não conhecia tanto", diz Paulo, que já participou de competições de química e matemática e pretende agora trazer novos conhecimentos para repassar aos colegas de curso do IFS.


A rotina de estudos de Paulo Franklin é equilibrada com uma vida social ativa. "Sempre que posso, gosto de sair com amigos e familiares para conhecer outras cidades". Nas horas vagas, ele ainda costuma acessar redes sociais e a praticar esportes, como o futebol de salão e o badminton.

 

Primeira vez fora da região

 

A primeira viagem de Paulo Franklin para fora da região nordeste está recheada de expectativas. O jovem acredita que vai adentrar em uma realidade nova e encontrar em São Paulo grandes personalidades do mundo acadêmico. Além disso, ele pretende estabelecer contato com alunos e professores de institutos federais de outros estados e com os próprios estudantes da USP. "Quero observar bem como é a rotina dos discentes de lá e em quais projetos eles se envolvem durante a faculdade", comenta Paulo, que não descarta a possibilidade de prestar vestibular para algum dos cursos de engenharia da USP no futuro.


Por Geraldo Bulhões Bittencourt Filho - Assessoria de Comunicação/IFES - Campus Itabaiana

Da redação:
Mais Notícias
Comentários
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2017 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva