Ótica Perfil

Ex-presidiário morre dentro de Companhia da PM após ser preso

INVESTIGAÇÃO | 25.12.2013 às 16:55h

A Polícia Civil irá investigar a morte de Elenaldo Bispo dos Santos, 36 anos, ocorrida por volta das 17 horas de terça-feira, dia 24, nas dependências da 1.ª Companhia de Polícia Militar da cidade de Areia Branca, no Agreste Sergipano.


Elenaldo Bispo era ex-presidiário e se encontrava armado com uma pistola efetuando disparos em via pública quando foi denunciado por populares. Após algumas diligências os militares encontraram o suspeito a pé na BR-235 portando a arma de fogo. Depois de ser preso ele foi conduzido à companhia e chegando ao local começou a expelir uma espuma branca pela boca e morreu em seguida.


O ex-presidiário era usuário de drogas e há suspeita que ele estava sob efeito de entorpecentes no momento da prisão.


A Polícia Técnica Científica do Instituto de Criminalística esteve na companhia e não constatou nenhum sinal de violência no corpo da vítima.


Encaminhado para autopsia no Instituto Médico Legal Dr. Augusto Leite, em Aracaju, com causa morte indeterminada, a polícia aguarda o resultado do exame cadavérico que deve ser concluído em 30 dias.


AVISO:
BASEADO NA LEI DOS "DIREITOS AUTORAIS" É EXPRESSAMENTE PROÍBIDA A REPRODUÇÃO TOTAL OU PARCIAL DESTE E OUTROS ARTIGOS SEM OS DEVIDOS CRÉDITOS DO SEU AUTOR.

Da redação:
Mais Notícias
Comentários
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2017 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva