Ótica Perfil

Acusados pela morte de dois sargentos da PM sergipana estão detidos

| 05.11.2008 às 09:18h
Três pessoas suspeitas de participação no assassinato dos sargentos Roberto Lima Batista, 40 anos, e Adilson Ferreira, 45 anos, da Polícia Militar de Sergipe, foram detidas na última segunda-feira, dia 03, por policiais do Cope e da Polícia Militar.

Roberto Lima Batista e Adilson Fereira foram mortos na noite de domingo quando faziam a segurança particular do restaurante “O Pirão”, no Povoado Calumby em Nossa Senhora do Socorro.
Os presos identificados como Heronaldo de Jesus Santos, conhecido como “Nininho”, Eduardo Batista, o “Muqueca” e Rogério dos Santos, “Galego”, foram enaminhados para delegacias diferentes na capital sergipana para não atrapalhar as investigações.
Com um dos acusados os policiais encontraram a arma do crime e capuzes utilizados pelos assaltantes, e ainda recuperarem uma pistola pertencente a um dos policiais militares mortos na ação criminosa e parte da quantia em dinheiro levada do restaurante.  
No total, sete elementos participaram do assalto e conforme informação do delegado Marcelo Cardoso, diretor do Complexo de Operações Policiais Especiais, um dos envolvidos é sobrinho da proprietária do estabelecimento. A polícia continua com o trabalho investigativo na tentativa de prender o restante da quadrilha.

Fotos: reprodução
comentários

WhatsApp: (79) 99977.1266
Email: gilsondeoliveira@gilsondeoliveira.com.br
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2020 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva