Ótica Perfil

Homem com passagem pelo sistema prisional do Estado é assassinado no centro da cidade de Itabaiana

EXECUÇÃO | 26.04.2013 às 14:30h

laruta_foto

(Foto: Gilson de Oliveira)

 

A cidade de Itabaiana, no agreste sergipano, volta a ser manchete nas páginas policiais com a execução do comerciante José Santos de Oliveira, conhecido como "Laruta", 39 anos.


O crime aconteceu por volta das 11h50 desta sexta-feira, dia 26, na Rua Percílio Andrade, centro da cidade serrana, momentos após a vítima estacionar seu veículo na rua e entrar em uma garagem de número 680.


De acordo com informações passadas por populares à Polícia Militar, um carro não identificado seguia o automóvel do comerciante, quando um dos ocupantes desceu e em seguida efetuou diversos tiros de escopeta calibre 12, inclusive um dos disparos atingiu o rosto da vítima, deixando-o completamente desfigurado. Após a execução os criminosos fugiram levando o carro que se encontrava como José Santos de Oliveira.


Com a vítima a polícia encontrou diversos cheques preenchidos, totalizando a importância de R$ 88.820, além de R$ 170, em espécie, folhas de cheque em branco e pertences pessoais.


Policiais do 3.º Batalhão de Polícia Militar (3.º BPM), sob o comando do Major Chaves, chegaram ao local do acontecido com o objetivo de resguardar a cena do crime, para analise da Polícia Técnica Cientifica do Instituto de Criminalística.


"Laruta" tinha passagem pelo sistema prisional do Estado e estava em progressão de pena no regime semiaberto. Ele era natural de Itabaiana e residia à Rua São Domingos, periferia da cidade.

 

Com a morte de José Santos de Oliveira sobe para quatro assassinatos no mês de abril e um total 13 homicídios em 2013 no município de Itabaiana.

  

morte_laruta_g_01

(Foto enviada por internauta. A imagem foi propositalmente desfocado por se tratar de uma cena extremamente chocante)


AVISO:
Baseado na lei dos "Direitos Autorais" é expressamente proíbida a reprodução deste e outros artigos sem os devidos créditos do seu autor.

Da redação:
Mais Notícias
Comentários
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2017 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva