Ótica Perfil

Envolvidos com o tráfico de drogas são presos pela Polícia Civil em Itabaiana

COMBATE AO CRIME | 28.03.2013 às 09:43h

Após algumas semanas de investigações agentes civis do Setor de Entorpecentes da Delegacia Regional de Itabaiana prenderam durante a madrugada desta quinta-feira, dia 28, quatro pessoas suspeitas de crime de tráfico de drogas na cidade serrana do agreste sergipano.

 

maicon_g jonas_g vaqueirinho_g wiliam_g

(Da esquerda para a direita: "Maicon" - "Jonas" - "Vaqueirinho" - "Wiliam")

 

Na operação, coordenada pelo delegado Fábio Pimentel, foram presos Michael Oliveira da Conceição, conhecido como "Maicon", 23 anos; Jonas Vieira Santana, conhecido como "Beck Show", 32 anos; André da Silva Menezes, conhecido como "Vaqueirinho", 28 anos, e Wiliam Mendonça Santos, 33 anos.

 

maico_drogas_percilio_andrade_p

 

De acordo com informações levantadas pelos investigadores, quem liderava a quadrilha era Michael Oliveira da Conceição, natural de Itabaiana e morador da Rua Percílio Andrade, enquanto Jonas Vieira era o responsável por guardar a droga e os demais trabalhavam na comercialização do entorpecente, inclusive nenhum deles conhecia o chefe.


Jonas Vieira de Santana é natural de Prazeres (PE) e foi preso em uma casa no bairro denominado como Morumbi, centro de Itabaiana. A prisão de Vaqueirinho aconteceu na Rua José Araújo Santos e Wiliam Mendonça dos Santos foi encontrado na Travessa Lourenço Virgílio dos Reis.


Segundo levantamento da polícia, Michael Oliveira da Conceição já responde na justiça por porte ilegal de arma de fogo de uso restrito. Já Vaqueirinho havia deixado o sistema prisional do Estado nesta quarta-feira, dia 27.

 

quadrilha_traficantes_itab_28_03_p quadrilha_traficantes_itab_28_03_p2

 

Além das prisões também foram apreendidos 1.700 Kg de maconha, grande quantidade de pedras de crack embaladas para ser comercializada, uma balança de precisão, uma lista com a contabilidade do tráfico, um revólver calibre 38 com seis munições intactas e uma cartela fechada contendo 10 munições e a importância de R$ 1.345, em espécie.


AVISO:
Baseado na lei dos "Direitos Autorais" é expressamente proíbida a reprodução deste e outros artigos sem os devidos créditos do seu autor.

comentários

WhatsApp: (79) 99977.1266
Email: gilsondeoliveira@gilsondeoliveira.com.br
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2019 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva