Ótica Perfil

Duas mortes em Itabaiana em menos de 24h

| 08.09.2008 às 20:10h

A primeira teve como vítima, Nelvan Farias Nunes, de 35 anos, conhecido como “Mohammed”, que foi morto com cerca 8 tiros de pistolas dentro de um veículo Gol de placas HZM 7758/SE , às margens da BR-235, no Bairro Campo Grande, em Itabaiana.
O crime aconteceu quando “Mohammed” conversava com um colega identificado como Jamisson dos Santos, vulgo “Boby” e foi praticado por dois homens em uma motocicleta entre às 18h30 e 19 horas de domingo, dia 07.
Mohammed morreu no local antes mesmo de ser socorrido, enquanto Jamisson foi conduzido para o Hospital de Urgência de Sergipe Governador João Alves Filho, em Aracaju.
No interior do veículo também se encontravam duas crianças, sendo que uma delas era o próprio filho de Nelvan, que foi atigindo por um tiro na coxa da perna esquerda.
De acordo com levantamento da equipe de investigação da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa, que tem à frente o delegado Hildemar Rios, Neivan Farias Nunes tinha envolvimento com roubo de cargas no trecho Rio-Bahia.
Clique e veja as fotos. Atenção! As imagens são fortes.

morto 1

morto 2

A outra morte ocorreu por volta das 16h30 desta segunda-feira, dia 08, no Conjunto Miguel Pedro de Mendonça. O fato aconteceu na Rua G na casa de número 41 e a vítima foi Fabiano de Jesus, 26 anos, conhecido por Careca, assassinado a arma de fogo.
Segundo informações obtidas por policiais, Careca estava em casa assistindo televisão quando provavelmente, um homem invadiu a residência pelos fundos e fez vários disparos.
Mesmo ferido, Fabiano de Jesus ainda conseguiu fugir do assassino, mas, acabou caindo em frente a residência de número 59 e morreu antes de ser socorrido.
A vítima já tinha passagem pela polícia.
Somente em 2008, 33 pessoas já foram assassinadas no município de Itabaiana.

comentários

WhatsApp: (79) 99977.1266
Email: gilsondeoliveira@gilsondeoliveira.com.br
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2020 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva