PRESÍDIO: Rebelião chega ao fim após 22 horas de negociação

REFÉNS | 17.12.2012 às 16:35h

Depois de 22 horas de negociação chegou ao fim por volta das 11 horas desta segunda-feira, dia 17, a rebelião do Presídio Regional Senador Leite Neto (Preslen), em Nossa Senhora da Glória, no alto sertão sergipano.

Os amotinados resolveram libertar os agentes prisionais e familiares dos detentos que estavam sendo mantidos como reféns desde o domingo, dia 16. A maioria dos reféns era mulheres e crianças, parentes dos detentos.

O motim se iniciou ao meio-dia e segundo o secretário de justiça Benedito Figueiredo, foi motivado por uma tentativa de fuga frustrada. Em seguida, os rebelados atearam fogo no setor administrativo do presídio, danificaram os veículos de funcionários, destruíram parcialmente algumas dependências da unidade, queimaram colchões em uma das guaritas e após pegarem as armas que estavam guardadas, eles trocaram tiros com agentes e policiais, deixando quatro pessoas feridas, sendo dois agentes carcerários e dois policiais militares lotados na 3ª Companhia do 4º Batalhão da Polícia Militar.

Esta é a segunda rebelião realizada por detentos do Presídio Regional Senador Leite Neto neste ano. Em outubro, foram 24 horas de motim quando cerca 80 pessoas, entre familiares dos detentos e um agente prisional ficaram como reféns.

AVISO:
Baseado na lei dos "Direitos Autorais", é expressamente proibida a reprodução deste e outros artigos sem os devidos créditos do seu autor.
Da redação:
Mais Notícias
Comentários
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2017 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva