Ótica Perfil

INVESTIGAÇÃO: Vítima de disparos de arma de fogo, morreu quase 30 dias depois do atentado

HOMICÍDIO | 10.05.2012 às 12:05h


(Foto cedida gentilmente pela família)

Gecivaldo Pereira de Oliveira, 36 anos, se recuperava em sua residência dos ferimentos provocados por arma de fogo ocorrido no último dia 17 de abril, quando sentiu-se mal na manhã de quarta-feira, dia 09, e foi levado ao Hospital de Urgência de Sergipe (HUSE), em Aracaju (SE), onde morreu por volta das 19 horas, em decorrência do acometimento de uma trombose na perna.

Ele havia sido alvejado por cinco tiros, sendo três na perna esquerda, um no abdômem e um perna direita, após ser surpreendido por dois elementos em uma motocicleta na Rua Benjamim Constant, no cruzamento com a Rua Campo do Brito, quando um deles sacou a arma e efetuou os disparos.

A vítima também conduzia uma motocicleta, modelo BIZ, e mesmo ferido conseguiu fugir na contra-mão pela Rua São Paulo e caiu do veículo ao chegar no Largo José do Prado Franco, sendo socorrido por um popular e conduzido ao Hospital Regional de Itabaiana Dr. Pedro Garcia Moreno Filho.

Gecivaldo morava à Rua José Ferreira de Araújo, em Itabaiana, era casado e pai de duas filhas.

AVISO:
Baseado na lei dos "Direitos Autorais", é expressamente proíbida a reprodução deste e outros artigos sem os devidos créditos do seu autor.
Da redação:
Mais Notícias
Comentários
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2017 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva