Ótica Perfil

SAÚDE: Poeta macambirense morre em unidade hospitalar de Itabaiana

ETERNO ADEUS | 12.04.2012 às 09:48h
Por Pereira Santos - Radialista e Geógrafo


(Foto extraída do livro Pedaços de Mim)

A poeta Maria Lúcia de Oliveira, 59 anos, conhecida por Lucinha, morreu as 21h24 do último domingo, dia 08, no Hospital Regional Dr. Pedro Garcia Moreno Filho vítima de choque séptico e complicações abdominais obstrutivos.

Deficiente física desde criança, Lucinha era natural de Macambira (SE) e adotou a cidade de Itabaiana (SE) para morar. Ela foi autora de várias obras poéticas, dentre elas, Pedaços de Mim, lançando em 1998, onde escreveu:

O Sonho Acabou

Eu era apenas uma menina
Quando tudo aconteceu.
Muitos morreram.
Eu era apenas uma menina
Cheia de sonhos e de esperanças de uma criança:
Ser um dia mulher.
Eu era apenas uma menina
Que brincava com a chuva,
Corria descalça e não sentia cansaço
Porque tudo era vida.
Eu era apenas uma menina
Que sonhava com o amanhã,
Com uma família e um lar
Eu era apenas uma menina
Tudo que tinha sonhado
Não pude realizar.
Parei com os meus estudos
Não pude ter os meus filhos
Mas hoje tenho o meu lar
Eu era apenas uma menina
E hoje, uma mulher.

(Autora: Maria Lúcia de Oliveira – in memória)

AVISO:
Baseado na lei dos "Direitos Autorais", é expressamente proíbida a reprodução deste e outros artigos sem os devidos créditos do seu autor.
Da redação:
Mais Notícias
Comentários
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2017 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva