Ótica Perfil

VIOLÊNCIA: Aluno de cabo da PM é morto a tiros em bairro de Aracaju

HOMICÍDIO OU LATROCÍNIO? | 02.03.2012 às 10:32h


(Foto: Ascom/PM)

O aluno do curso de cabo da Polícia Militar de Sergipe, Elder Freitas, 39 anos, foi mortos a tiros em frente a uma loja de material de construção no bairro Santa Maria, na capital sergipana.

Ele fazia a segurança particular do local quando três homens, dos quais dois eram menores, se aproximaram do estabelecimento e após render o policial e tomar sua arma, os crimonisos efetuaram cerca de quatro disparos contra o mesmo e em seguida fugiram levando a pistola do PM. Já o aluno de cabo da PM morreu em frente a casa comercial por não resistir aos ferimentos.

Durante a ação dos criminosos, um vendedor ambulante que se encontrava nas proximidades da casa comercial também foi atingido por um dos disparos. Identificado como José Tadeu Alves Nascimento, 44 anos, e morador da mesma localidade, foi socorrido e levado para o Hospital de Urgência de Sergipe (HUSE), na capital sergipana.

Elder Freitas tinha 16 anos de serviço prestados a Polícia Militar do Estado de Sergipe e era lotado na 4.ª Companhia do 1.º Batalhão de Polícia Militar.

O corpo do soldado foi encaminhado para autópsia no IML, enquanto a Polícia Civil irá investigar o caso.

IML

Nas últimas 24 horas o Instituto Médico Legal Dr. Augusto Leite, em Aracaju (SE), ainda registrou a entrada de mais três corpos, sendo um homicídio por arma de fogo, um por acidente de trânsito e um por queda da própria altura. 
 
Wellington Feirreira de Góis, 39 anos, vítima de homicídio por arma de fogo em Ilha das Flores (SE);

Lindinalva Souza Dantas, 96 anos, estava internada no Hospital Cirurgia, em Aracaju, e foi vítima de queda da própria altura;

Marcelo Silveira Oliveira, 24 anos, vítima de acidente de trânsito na BR-101, próximo a entrada da cidade de Laranjeiras (SE) na tarde de quinta-feira, dia 1.º.
Ele conduzia um caminhão e morreu preso às ferragens após perder o controle da direção do mesmo e colidir contra um barranco.
A vítima residia na cidade de Cristinápolis (SE), porém, era natural de Boquim (SE), onde inclusive o corpo foi sepultado. 

AVISO:
Baseado na lei dos "Direitos Autorais", é expressamente proíbida a reprodução deste e outros artigos sem os devidos créditos do seu autor.
Da redação:
comentários

WhatsApp: (79) 99977.1266
Email: gilsondeoliveira@gilsondeoliveira.com.br
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2018 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva