Ótica Perfil

Foragido da Penitenciária de Areia Branca e acusado de crimes em Itabaiana é recapturado

POLÍCIA CIVIL | 28.10.2011 às 09:15h
Agentes da Delegacia Regional de Polícia Civil de Itabaiana (SE), sob a coordenação das delegadas Juliana Alcoforado e Viviane Jardim, efetuaram no final da tarde de quinta-feira, dia 27, a prisão de Joseano Alves dos Santos, conhecido como “DANDINHO”, 28 anos. Ele estava foragido da Penitenciária Estadual de Areia Branca (Peab) e segundo investigação da polícia, e desde a sua fuga do sistema prisional se envolveu na prática de crimes em Itabaiana.

Dandinho é acusado de tentar contra a vida de um casal em junho deste ano, quando durante uma festa efetuou disparos de pistola, porém as vítimas sobreviveram. Já o segundo crime a ele atribuído foi o brutal homicídio de Daniel Pinto de Oliveira, 21 anos, ocorrido na noite do último dia 06 de julho, quando a vítima foi retirada de um quarto nos fundos da casa de número 171, da Rua Uruguai no bairro Açude Velho, em Itabaiana, e morta com cerca de 6 tiros e 20 facadas.

 
Para ampliar clique na imagem

O corpo do jovem, que era natural do município de Malhador (SE), foi encontrado na manhã do dia seguinte dentro de um córrego que passa pelo terreno de Juvenal na estrada que dá acesso ao povoado Lagamar, município serrano, com um profundo corte na garganta e as vísceras para fora do corpo.

Joseano Alves dos Santos foi encontrado pelos agentes civis de Itabaiana escondido numa casa situada na cidade de Lagarto e portava uma pistola 380, municiada.

Após ser detido, “Dandinho” foi trazido para a unidade policial de Itabaiana, onde foi lavrado o procedimento. Já a arma encontrada com ele será encaminhada para exames no Instituto de Criminalística, na capital sergipana, enquanto as informações sobre os homicídios por ele praticados serão colhidas com a coleta dos interrogatórios do acusado.

A utilização deste e outros artigos deve respeitar a Lei dos Direitos Autorais. Sua veiculação está previamente autorizada desde que as informações autorais sejam citadas.Da redação:
Mais Notícias
Comentários
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2018 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva