Ótica Perfil

Adolescente é apreendido acusado pela morte de mototaxista

ITABAIANINHA | 12.10.2011 às 00:20h
Um adolescente de 16 anos foi apreendido por policiais da cidade de Itabaianinha (SE) acusado de matar o mototaxista José Alves da Silva, 44 anos. A vítima foi morta a pauladas e depois teve o corpo queimado.

O crime aconteceu na tarde de sexta-feira, dia 07, no entanto o corpo só foi encontrado na manhã do dia seguinte, momentos depois que a esposa da vítima havia registrado o Boletim de Ocorrência. Já o menor foi localizado pela polícia em sua residência na manhã de terça-feira, dia 11, onde também foi encontrada a motocicleta pertencente a vítima.

Em depoimento ao delegado Cleones Santos Silva, o adolescente contou em detalhes como planejou o latrocínio. Levado inclusive ao local do crime, ele revelou que naquele dia saiu de casa para o colégio disposto a conseguir uma motocicleta e que resolveu colocar seu plano em ação na hora da aula para que ninguém desconfiasse.

Na conversa com o delegado, ele também contou que não entrou na escola e que foi direto a uma mercearia onde comprou uma picareta e em seguida chamou o mototaxista para levá-lo até um barreiro desativado, que fica distante da cidade.

Ao chegar no local indicado atacou a vítima pelas costas com um golpe de picareta, provocando o desmaio da mesma e após afastar a motocicleta da vítima e ateou fogo no corpo.

Segundo informações do delegado, depois de passear pela cidade com a moto da vítima o menor resolveu ir para a escola como se nada tivesse acontecido.

Demonstrando frieza e atitudes de um psicopata, o acusado se juntou aos curiosos no local onde o corpo foi encontrado e ainda compareceu ao enterro da vítima”, revelou o delegado.

O adolescente infrator será encaminhado ao Centro de Atendimento ao Menor (CENAM), onde aguardará por uma decisão da justiça.

Relembre o caso

Mototaxista é encontrado queimado

A utilização deste e outros artigos deve respeitar a Lei dos Direitos Autorais. Sua veiculação está previamente autorizada desde que as informações autorais sejam citadas.
Da redação:
Mais Notícias
Comentários
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2017 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva