Ótica Perfil

Violência: Três mortes a golpes de faca são registradas nas últimas horas

CRIMINALIDADE | 04.08.2011 às 07:01h
Durante as últimas 24 horas três pessoas foram mortas no Estado de Sergipe a golpes de faca.

Em Japaratuba foi registrado o assassinato de José Carlos da Graça, 31 anos. O crime aconteceu na quarta-feira, dia 03, quando a vítima estava em um bar da cidade em companhia de um amigo identificado como Bruno Amaro e após uma discussão entre os dois, José Carlos acabou sendo esfaqueado, momentos depois do homicídio, o suspeito pela autoria da morte se entregou à polícia.

As outras duas vítimas de homicídios a golpes de faca foram Kerlles Santos Santana, 34 anos. Ele estava internado no Hospital de Urgência de Sergipe (HUSE), em Aracaju (SE), e Wesley dos Santos Silva, 17 anos. O corpo foi recolhido do hospital da cidade de Laranjeiras (SE). O crime foi praticado pelo próprio irmão da vítima após uma discussão entre os dois. O autor tem 20 anos e segundo informações de familiares, está decidido a se entregar para a polícia.

No Instituto Médico Legal Dr. Augusto Leite também entrada o corpo da técnica de enfermagem Maria de Fátima Álvares Tavares Costa, 35 anos. Ela trabalhava no Hospital e Maternidade Santa Isabel, localizado no bairro 18 do Forte, em Aracaju, e foi encontrada morta por uma colega de trabalho na manhã de quarta-feira, dia 3, em uma das salas cirúrgicas da casa de saúde.
O corpo estava estendido no chão e não apresentava qualquer tipo de violência. A causa morte só será divulgada após o exame de autopsia realizado pela perícia médica do IML. A enfermeira era casada e mãe de três filhos.

O IML também recebeu um corpo sem identificação do sexo masculino, vítima de homicídio por arma de fogo no município da Barra dos Coqueiros (SE).

A utilização deste e outros artigos deve respeitar a Lei dos Direitos Autorais. Sua veiculação está previamente autorizada desde que as informações autorais sejam citadas.Da redação:
Mais Notícias
Comentários
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2017 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva