Ótica Perfil

Dupla é presa pela Polícia Militar após prática de assalto em cidades do agreste sergipano

AÇÃO POLICIAL | 26.07.2011 às 18:26h

Uma guarnição da 3ª Companhia do 3º Batalhão da Polícia Militar de Itabaiana (SE), formada pelo 2º SGT Siqueira, CB Cleovan e pelos Soldados Cortes e Enilson, efetuaram as prisões de José Alan Barbosa Santana, 20 anos, e Juliano Alves Andrade, 21 anos, acusados de assalto a mão armada nas cidades de Campo do Brito, Ribeirópolis e Moita Bonita, ambas no agreste sergipano.

Inicialmente a dupla roubou em Campo do Brito, no início da manhã desta terça-feira, dia 26, uma motocicleta Honda, modelo CG Titan KS, cor verde, com placa HZU 5361/SE (Ribeirópolis) e por volta das 10 horas a dupla voltou a praticar uma nova ação criminosa. Desta vez, eles agiram na cidade de Moita Bonita quando invadiram uma loja de venda de antena parabólica e aparelhos de telefones celulares, localizada na Praça Ernesto Geisel, também conhecida como Praça do Mercado, de onde levaram a quantia de R$ 691 em dinheiro, 4 aparelhos de telefones celulares, um relógio Citizen banhado a ouro, uma pulseira dourada. No local também funciona um Ponto Banese. Ao sair da loja um dos marginais acabou deixando o capacete que usava e levou o da funcionária, que também foi recuperado. 

Depois de receber o comunicado da ação dos criminosos, a guarnição saiu em diligência e na perseguição conseguiram capturar Juliano Alves e José Alan no povoado Serra do Machado, em Ribeirópolis.

Utilizando uma motocicleta CG de cor prata, a dupla já havia praticado um assalto na tarde do dia anterior em um depósito de ração na cidade de Ribeirópolis, quando subtrairam a importância de R$ 700, em dinheiro e a carteira portas-cédulas do proprietário, com um cheque. Segundo relato dos acusados para a polícia, na fuga a carteira com o cheque foi jogada em um matagal.  

Além de recuperarem os produtos do assalto em Moita Bonita e a motocicleta roubada em Campo do Brito, os policiais também encontraram um revólver TA com 3 munições intactas.

A dupla é natural e mora na cidade de Itabaiana, sendo que Juliano Alves Andrade estava em liberdade condicional. 
 
A ação policial ainda contou com a participação de PM’s da cidade de Ribeirópolis e do 3º Batalhão da Polícia Militar de Itabaiana, sob a coordenação do comandante, Coronel Vieira.


PS.: Alteramos a matéria para correção e ao mesmo tempo, acréscimo de informação.
 

A utilização deste e outros artigos deve respeitar a Lei dos Direitos Autorais. Sua veiculação está previamente autorizada desde que as informações autorais sejam citadas.
Da redação:
Mais Notícias
Comentários
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2018 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva