Ótica Perfil

Professores da rede estadual encerram greve

REIVINDICAO | 17.06.2011 às 12:45h

Com informaes do Senoticias

Os professores da rede estadual decidiram, em assembleia realizada no Instituto Histrico e Geogrfico, suspender o movimento grevista iniciado no dia 23 de maio. A categoria decidiu com sabedoria suspender a greve e voltar para as salas de aula, mas a luta pela valorizao da carreira no terminou, disse ngela Melo, presidenta do SINTESE.

Os educadores agora vo conversar com os alunos, com a comunidade escolar para decidir a melhor forma de repor as aulas. Agradecemos o apoio dos alunos, dos pais e de toda sociedade sergipana a nossa luta para que a reviso do piso seja igual para todos e que nossa carreira no seja destruda, completou.

O sindicato foi notificado na manh desta quinta-feira, sobre a deciso judicial de que a greve deflagrada pela categoria foi considerada ilegal. Infelizmente no novidade que o Tribunal de Justia de Sergipe considera uma greve dos trabalhadores de ilegal. S temos a lamentar que um direito constitucional do trabalhador de mostrar a sua indignao e desagrado seja reprimido, apontou a vice-presidenta Lcia Barroso.

Aps o trmino da assembleia os professores marcharam para a Assembleia Legislativa e ocuparam as galerias. Quando iniciamos a greve viemos ao parlamento para comunicar aos deputados os motivos da nossa greve, agora que a terminamos, nada mais lgico que tambm vir a esta casa legislativa, que a casa do povo, argumentou a presidenta.

A luta continua

Os professores decidiram suspender a greve, mas continuam na luta pela valorizao da carreira. Atos nas cidades onde o SINTESE tem sub-sede (Itabaiana, Lagarto, Nossa Senhora da Glria, Nepolis e Estncia) sero marcados nos prximos dias. Campanhas publicitrias tambm estaro nas ruas, com panfletos e cartazes. No podemos deixar que a sociedade esquea que no dia 09 de junho de 2011 a carreira dos professores que foi conquistada com muita luta foi aviltada, disse a diretora do Departamento de Base Estadual do SINTESE, Ubaldina Fonseca Moreira Santana.

Da redação:
Mais Notícias
Comentários
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2018 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva