Ótica Perfil

PM captura cobra Jaracuçu em povoado de Itabaiana

POLÍCIA AMBIENTAL | 06.06.2011 às 20:53h

Com informações da Polícia Ambiental

Policiais do Pelotão de Polícia Ambiental (PPAmb) capturaram uma cobra Jaracuçu na última sexta-feira, dia 3, no povoado Mangabeira, município de Itabaiana (SE). O animal estava na residência de João Batista dos Santos e, assim que foi descoberto, toda a sua família abandonou o local, como medida de segurança.

Com a chegada dos militares do PPAmb, descobriu-se que tratava-se de uma jaracuçu, serpente pouco comum na região Nordeste e de grande periculosidade. A guarnição capturou o animal, seguindo todas as regras de segurança, e posteriormente fez a soltura do réptil numa área segura, longe da zona urbana.

Segundo a guarnição composta pelos cabos França e Santos e soldado Sérvulo, responsável pela ocorrência, a comunidade local já tinha tentado capturar o bicho, mas não logrou êxito.

Cobra Jaracuçu

É uma das maiores cobras do gênero Bothrops. As fêmeas são maiores que os machos e também são diferentes na coloração, ele cinza, e ela amarelada. São muito temidas pela quantidade de veneno que podem injetar, podendo destilar até quatro milímetros de veneno ou mais.

Localizar uma Jararacuçu no meio da floresta não é fácil. Como passa o dia enrodilhada se aquecendo, se mistura muito bem com o ambiente e mesmo para olhos treinados, quase que sempre, passa despercebida. É muito brava e perigosa. Quando adulta alimenta-se de pequenos roedores, e quando jovem alimenta-se de pequenos lagartos e anfíbios. É vivípara e pode ter entre 16 e 20 filhotes no início da estação chuvosa.

Da redação:
Mais Notícias
Comentários
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2017 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva