Ótica Perfil

IML: Mortes em São Cristóvão, Salgado e Maruim

VIOLÊNCIA E FATALIDADE | 04.04.2011 às 23:37h

Procurado pela polícia de Lagarto, o caseiro Jorge Santana Silva, 35 anos, morreu no povoado Água Fria, em Salgado, ao resistir à prisão nesta segunda-feira, dia 4.
Ao perceber a presença de policiais próximo à sua casa ele efetuou disparos contra os agentes da Polícia Civil quando ocorreu o revide e acabou sendo atingido. Na casa dele a polícia encontrou  uma escopeta calibre 12, uma espingarda calibre 28, além de um revólver calibre 38 usado contra os policiais.
Jorge Santana era acusado de ter assassinado um homem em 2009 no povoado Barro Vermelho, em Lagarto.

 
(Foto: Diego Feitosa)

Já no loteamento Rosa do Oeste, no município de São Cristovão, aconteceu o assassinato de José Paulo de Araujo, 30 anos.
Ele estava trabalhando com servente de pedreiro na construção de uma casa quando foi surpreendido na manhã desta segunda-feira, dia 04, por um homem desconhecido que efetuou vários disparos contra a vítima. José Paulo morreu no local ao ser atingido na cabeça e na face.
Durante a ação os criminosos também atingiram o pedreiro identificado como Cristiano, 29 anos. Ele foi socorrido e em seguida levado para o Hospital de Urgência de Sergipe Governador João Alves Filho, em Aracaju, enquanto o corpo de José Paulo de Araujo foi encaminhado para autopsia no Instituto Médico Legal Dr. Augusto Leite.

Em Maruim, a Polícia Técnica-Científica do Instituto Médico Legal (IML) recolheu o corpo da criança Victor Júlio de Oliveira França, de cinco meses de nascida.
O menino foi encontrado morto pela mãe, Gleiziane de Oliveira, 23 anos, por volta das 5 horas da manhã desta segunda-feira, dia 4.
De acordo com declarações da mãe da criança à polícia, ela dormia com marido e ao acordar para preparar a alimentação do filho foi até o berço quando notou que a criança estava morta.
O corpo do recém-nascido foi levado ao IML para ser submetido a autopsia para confirmar a causa  morte. O caso já está sendo investigado pela delegacia de Maruim, sob a coordenação da delegada Mayra Fernanda Moinhos. 

A utilização deste e outros artigos deve respeitar a Lei dos Direitos Autorais. Sua veiculação está previamente autorizada desde que as informações autorais sejam citadas.

Da redação:
Mais Notícias
Comentários
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2018 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva