Ótica Perfil

Camarotes desabam no corredor da folia

PRÉ-CAJU 2011 | 21.01.2011 às 10:51h

Com informações do Emsergipe.com - Por Denise Gomes e João Áquila

Por volta das 8h30 da manhã desta sexta-feira, 21, a estrutura de aproximadamente seis camarotes desabou no corredor da folia do Pré-Caju 2011. No momento do acidente o auxiliar de serviços gerais, André Augustinho Bezerra, de 31 anos, que estava em um dos camarotes percebeu uma ventania e tentou descer da estrutura, mas não conseguiu sair a tempo e acabou se ferindo.

“Realizava a limpeza de um camarote quando senti que o vento estava balançando muito a estrutura, foi quando resolvi sair correndo. Porém, não consegui chegar no chão a tempo e algumas tábuas e ferros caíram sobre mim. Felizmente não me machuquei muito”, disse André Ausgustinho.

Um caminhão de uma empresa de limpeza que passava pelo local foi atingido por parte da estrutura. O caminhoneiro José Cláudio, contou à nossa reportagem, que assim que percebeu que os camarotes estavam caindo, abandonou o caminhão. “Não tive escolha, deixei o caminhão e saí correndo para não ser atingido”, revelou José.
O caminhão acabou impedindo que a estrutura caísse sobre um Focus Sedan, de placas HZY 7751.

O Corpo de Bombeiros foi acionado e ao chegar ao local algumas pessoas realizam a desmontagem da estrutura que ainda estava em pé. De acordo com o Major Geovan, todos foram repreendidos, já que esta ação é prejudicial ao trabalho da perícia técnica. “Nossa equipe retirou essas pessoas do local e acionou a Defesa Civil, bem como a perícia. Já que é preciso, realizar a inspeção para identificar as causas do acidente”, afirmou Geovan.

Segundo o major Mendes da Defesa Civil, caso a previsão da meteorologia indique chuva com ventos fortes para esta tarde e noite, todos os camarotes do corredor serão interditados. “Estamos tomando as medidas para garantir a segurança dos foliões, assim as condições meteorológicas também serão observadas e caso tenhamos a confirmação de chuva e ventos fortes, teremos que interditar o corredor”, disse Mendes.

O organizador do evento, Fabiano Oliveira chegou rapidamente ao local para acompanhar o trabalho dos peritos e da Defesa Civil. “Iremos respeitar a conclusão do laudo ou a decisão dos órgãos competentes, seja ela qual for. Caso haja a necessidade de interditar todo o corredor, informo que todos os foliões e também aqueles que compraram seus camarotes serão indenizados. Mas, por enquanto só nos resta aguardar o laudo”, disse Fabiano. (Fotos: Emsergipe.com)

comentários

WhatsApp: (79) 99977.1266
Email: gilsondeoliveira@gilsondeoliveira.com.br
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2020 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva