Ótica Perfil

Tragédias em Lagarto: Adolescente com deficiência mental é encontrado morto em cisterna e motociclista morre degolado

MORTES | 15.01.2011 às 10:06h

 
Clique na imagem para ampliá-la

O adolescente Ricardo Santos Silva, 14 anos, foi encontrado por volta das 16 horas de sexta-feira, dia 14, morto dentro de uma cisterna, localizada no quintal da casa onde ele morava, no povoado Cruzeiro Verde, município de Lagarto (SE).

O garoto sofria de deficiência mental e estava desaparecido desde a manhã de quinta-feira, dia 13, de acordo com informações passadas por familiares. Depois de várias buscas na tentativa de encontrar o adolescente, a família resolveu acionar o Corpo de Bombeiros na manhã de sexta-feira, mesmo assim o garoto não foi encontrado.

Desesperado o pai do menino resolveu secar a cisterna por meio de uma bomba d’água e acabou encontrado o filho já sem vida.
O resgate do corpo do adolescente foi realizado no período noturno por uma equipe do Corpo de Bombeiros. (Fotos: Diego Amorim – i9Lagarto)

ACIDENTE

O motociclista Carlos Tavares de Almeida, 41 anos, morreu por volta de 1 hora da madrugada deste sábado, dia 15, em uma rodovia estadual, conhecida como Pista do Araça, no povoado Genipapo, em Lagarto.

A vítima estava retornando para casa em uma motocicleta Honda, modelo Titan de cor vermelho, quando perdeu  o controle do veículo em uma curva e se chocou com uma cerca de arame farpado.

Com o impacto, o motociclista quase teve a cabeça separada do corpo.
O corpo da vítima foi recolhido e encaminhado ao Instituto Médico Legal Dr. Augusto Leite, na capital sergipana, ainda no período da madrugada.

Casado e pai de dois filhos, Carlos Tavares de Almeida, era conhecido como “Carlinhos”, e morava no povoado Jenipapo, no município lagartense.

A utilização deste e outros artigos deve respeitar a Lei dos Direitos Autorais. Sua veiculação está previamente autorizada desde que as informações autorais sejam citadas.

Da redação:
Mais Notícias
Comentários
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2017 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva