Sexta, 09 de dezembro de 2016
Itabaiana-SE, Mín: 24ºC | Máx: 29ºC

Itabaiana perde folclórico taxista

DOENÇA | 31.12.2010 às 11:57h

Aos 53 anos de idade, morreu na quinta-feira, dia 30, no Hospital de Urgência de Sergipe Governador João Alves Filho (HUSE), em Aracaju (SE), o taxista José Flávio Santana, onde estava internado desde a segunda-feira, dia 27.

Zé de Vange”, como era conhecido pelos amigos, havia passado por uma intervenção cirúrgica no último mês de agosto no Hospital São Lucas na capital sergipana para a retirada de um rim.

De acordo com informações da família, aproximadamente 20 depois de ser liberado pelos médicos e retornar para sua residência ele apresentou uma recaída e ao ser levado para a unidade de saúde em Itabaiana (SE) foi constatado uma infecção generalizada.

Durante esse período, com o apoio dos familiares e amigos, “Zé de Vange” lutou contra a morte, mas infelizmente não conseguiu vencer a doença.

Pai de dois filhos, “Zé de Vange” era defensor fervoroso do grupo político da família Teles de Mendonça e ficou conhecido por sua participação nos palanques com seu grito de “Muito Bem”.

O corpo de “Zé de Vange” foi sepultado na manhã desta sexta-feira, dia 31, no Cemitério de Santo Antonio e Almas de Itabaiana e foi acompanhado por diversos políticos do município, amigos, além de familiares e o povo em geral.

A utilização deste e outros artigos deve respeitar a Lei dos Direitos Autorais. Sua veiculação está previamente autorizada desde que as informações autorais sejam citadas.

Da redação:
Mais Notícias
Comentários
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2016 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva