Ótica Perfil

Crime contra pedreiro ocorrido no feriado de 12 de outubro é elucidado pela polícia

INVESTIGAÇÃO | 22.10.2010 às 00:13h

Com informações da Polícia Civil de Itabaiana

 
(Milton, Tiago, Ademir e Adriano)

Sob a coordenação do delegado Francisco Gerlândio Gomes, policiais civis da Delegacia Regional de Itabaiana (SE), efetuaram na tarde de quinta-feira, dia 21, as detenções de ADEMIR COSTA DE JESUS, 24 anos, ADRIANO DE JESUS TEIXEIRA, 20 anos, TIAGO LIMA SANTOS, 21 anos, conhecido por "GAGO", acusados de envolvimento no assassinato de ANTONIO CARLOS MENEZES DOS SANTOS, ocorrido no feriado do último dia 12, em um matagal no bairro Sítio Porto.

De acordo com as investigações da polícia, os três colaboraram com o crime, que foi executado por JOSÉ MILTON DOS SANTOS, 27 anos. O caso teve grande repercussão por que, após o crime, JOSÉ MILTON foi até o velório da vítima e riu no local, por esse motivo acabou sendo esfaqueado por ADEMILSON MENEZES DOS SANTOS, irmão da vítima. 

DA PARTICIPAÇÃO DOS ENVOLVIDOS

Segundo as investigações da Polícia, JOSÉ MILTON e ADEMIR estavam juntos no momento do crime, sendo que JOSÉ MILTON foi quem efeutuou os disparos, enquanto ADEMIR foi quem dirigiu a motocicleta. Ainda de acordo com a polícia, JOSÉ MILTON foi visto na noite anterior ao crime, com a arma utilizada para matar ANTONIO CARLOS.

Já ADRIANO DE JESUS emprestou a arma de fogo para o crime, e TIAGO LIMA SANTOS foi quem levou a vítima ao encontro de MILTON, no bar Caldo de Cana, localizado à Rua Campo do Brito no centro da cidade de Itabaiana. Em seguida, MILTON e ADEMIR atraíram a vítima ao local do crime.

JOSÉ MILTON DOS SANTOS já havia sido preso na última quinta-feira, dia 14, ainda no hospital, onde se recuperava das facadas.

Devido a atitude de ADEMILSON, esfaqueando um dos suspeitos, os acusados ficaram em alerta, inclusive ADRIANO confessou na delegacia que já esperava ser preso pelo crime.

MAIS PRISÕES

Também foi detido na tarde de quinta-feira, dia 21, em Itabaiana, o Sr. BELARMINO BISPO DOS SANTOS, conhecido por “NEGO BELO”, 51 anos. Ele foi encontrado com um revólver calibre 38 e 13 munições. A arma estava num trailer de propriedade dele, situado às margens da rodovia BR-235,  e foi encontrada por policiais coordenados pelo delegado Hugo Leonardo, após uma denúncia anônima.


A utilização deste e outros artigos deve respeitar a Lei dos Direitos Autorais. Sua veiculação está previamente autorizada desde que as informações autorais sejam citadas.

comentários

WhatsApp: (79) 99977.1266
Email: gilsondeoliveira@gilsondeoliveira.com.br
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2020 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva