Ótica Perfil

Polícia prende quadrilha que assaltava agências bancárias e correios

Polícia Civil de Sergipe | 07.07.2010 às 14:51h

 
(Fotos: Jadilson Simões/SSP)

Sete pessoas envolvidas com assaltos a agências bancárias e a unidades dos Correios em Sergipe foram apresentadas a imprensa na manhã desta quarta-feira, dia 7, na Academia da Polícia Civil (Acadepol), em Aracaju. As prisões ocorreram quando a quadrilha preparava-se para praticar mais um roubo a malotes do Banco do Brasil no município de Lagarto.

Foram presos Nildo Macedo da Silva, mais conhecido como Bida, Evanildo dos Santos Nascimento, o “Mago”, Marcelo de Lima Silva, vulgo “Cabeça”, Erisvaldo Pereira de Souza Silva, conhecido como “Ninja”, Carlos Vanderson Vieira dos Santos, o “Sete Facadas”, Wilton Nogueira, o “Boy”, e Rita Alves de Góis. A polícia também apreendeu nove armas de fogo, sendo seis pistolas e três revólveres.

Todos os presos, segundo o que foi apurado pela polícia, são ex-presidiários, a maioria condenada por roubos.
Carlos Vanderson, o Sete Facas, que participou do crime em Frei Paulo e do homicídio que vitimou o escrivão da Polícia Civil, já esteve preso em 2006 por roubo em Lagarto e em 2007 por porte ilegal de arma de fogo, em Itabaiana.

O crime em Lagarto seria cometido na manhã de segunda-feira, dia 6 de julho, e foi arquitetado por “Mago”, que, após receber de Rita as informações sobre a movimentação nos bancos no município de Lagarto recrutou, em Arapiraca, “Cabeça” e “Ninja” para a prática do crime.  Em seguida, também foi recrutado “Bida”.  Durante as investigações, a polícia constatou que “Bida”, “Ercinho” e “Sete facadas” haviam praticado o roubo aos correios de Frei Paulo, quando foi morto o escrivão Flávio Santos de Oliveira Matos. 

 “Bida” e “Ercinho”, segundo o delegado André Baronto, do Cope, foram os que entraram nos correios e “Sete Facadas” foi o responsável pela fuga deles. Após o crime, “Sete facadas” entregou as armas a “Boy”. Com “Boy” foram apreendidas cinco pistolas, dois revólveres, munições e carregadores. Entre as pistolas apreendidas estão as utilizadas no roubo aos correios de Frei Paulo e que possivelmente vitimou o escrivão de polícia.

Bida confessou a prática dos roubos aos Correios de Itabaianinha, Areia Branca e Frei Paulo, bem como do Ponto Banese localizado na Cehop, em Aracaju. Neste último, acompanhado de “Mago” e “Sete facadas”. Em relação ao roubo aos correios de Frei Paulo, “Bida” afirmou que entrou na agência com “Ercinho”, enquanto “Sete facadas” era o responsável para fuga. Bida ainda disse que como a polícia chegou os planos mudaram e acabaram fugindo na viatura e, no momento da fuga, “Ercinho” teria atirado contra o escrivão. “Ercinho” ainda está sendo procurado pela polícia.

A operação que culminou na detenção dos acusados contou a participação de policiais do Cope, Delegacia Regional de Itabaiana, Grupamento Especializado Táticos de Ações com Motos (Getam), Delegacia Regional de Lagarto, Dipol, Coordenadoria das Delegacias do Interior (Copci), e Comando de Operações Especiais da Polícia Militar e as prisões ocorreram nos municípios de Nossa Senhora do Socorro, Areia Branca, Itabaiana e Lagarto.

Com informações da SSP

Da redação:
Mais Notícias
Comentários
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2018 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva