Ótica Perfil

Estelionatário é preso em Itabaiana

| 30.01.2008 às 20:02h

Integrantes da Delegacia Regional de Itabaiana prenderam em flagrante por volta das 16h desta segunda-feira, dia 29, Robson de Menezes Oliveira. Segundo a polícia, ele estava utilizando identidade, CPF e certificado de reservista em nome de Carlos Alberto Ramos Barroso. Robson estava em Itabaiana há quatro meses. Na época ele alugou a casa situada na Rua Quintino de Lacerda, no Centro de Itabaiana, utilizando seu verdadeiro nome.

A partir de então abriu contas nos bancos Itaú, Bradesco e Banco do Brasil em nome de Carlos Alberto. Robson lesou duas pessoas em Itabaiana, acumulando no golpe cerca de R$ 15 mil. Ele persuadiu as vítimas para criarem uma empresa de serviços de internet à rádio em Itabaiana e, para tanto, necessitaria da quantia referida para a compra dos equipamentos e mão-de-obra.
“Ele sempre alegava ser tenente do Exército, vestindo-se com terno e com uma boa conversa. Ele chegou a convencer as vítimas para que  vendessem alguns bens e o repassassem a quantia exigida”, explicou o delegado Hugo Leonardo. 
Após a aplicação do golpe, o acusado comprou alguns equipamentos para montar a empresa, contudo não cumpriu com o compromisso e ficou com a diferença.
Também foi vitimado um professor que reside em Rosário do Catete, a 37 quilômetros de Aracaju, a quem Robson, identificando-se como Carlos Alberto, se apropriou de R$ 8 mil. Em Rosário do Catete, o autor agiu da mesma maneira, oferecendo sociedade em uma empresa provedora de internet à rádio e se apropriando dos valores. O autor passou diversos cheques no comércio utilizando o nome fictício, frustrando o seu pagamento por não haver provimento de fundos.

Na última segunda-feira, dia 28, por volta das 13h, os policiais acompanharam discretamente a movimentação do acusado a fim de surpreendê-lo. Apenas por volta das 16h, Robson saiu de sua casa e foi preso em flagrante, com os documentos falsos. Segundo ele, utilizados no contrato que pretendia fechar com a Prefeitura de Itabaiana para prestação de serviços, instalando uma internet para o poder municipal local.

Em sua residência foram apreendidos diversos documentos dentre eles, alguns pessoais, tanto em nome de Robson quanto de Carlos Alberto. Um computador, planilhas e cheques utilizados para organizar o golpe também foram apreendidos. Documentos em nome da empresa RM Sistemas, nome fictício criado por Robson ainda foram encontrados.
Clique na foto 

Fonte: SSP/SE
Fotos: Delegacia Regional de Itabaiana

comentários

WhatsApp: (79) 99977.1266
Email: gilsondeoliveira@gilsondeoliveira.com.br
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2020 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva