Ótica Perfil

Suspeito de vários crimes morre no Alto Sertão sergipano em confronto com as forças policiais

Ação conjunta | 09.11.2020 às 18:41h

Em uma ação conjunta, que envolveu os policiais civis da Delegacia Regional de Nossa Senhora da Glória e policiais da Companhia Independente de Operações Policiais em Área de Caatinga (Ciopac), resultou na localização do indivíduo Manoel Santos de Moraes de 27 anos, conhecido como "Tuta".

Durante o cumprimento do mandado de prisão, ele reagiu à abordagem policial e acabou sendo alvejado gravemente. A ação das forças policiais aconteceu na manhã da sexta-feira (06) e de acordo com informações do delegado Eurico Nascimento e do Capitão Fabrício, as equipes policiais foram surpreendidas com disparos de arma de fogo, ao adentrar a residência do suspeito, no bairro Matadouro, em Nossa Senhora da Glória, no Alto Sertão sergipano. Diante da injusta agressão, os policiais também reagiram e no momento do confronto, o investigado foi atingido. Ele ainda chegou a ser socorrido e encaminhado ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos.

Segundo a polícia, o indiciado era bastante conhecido no meio policial por sua periculosidade. Inclusive, ele já havia sido preso por policias civis da Delegacia Regional de Nossa Senhora da Glória por tentativa de homicídio, receptação, porte ilegal de arma de fogo, em conjunto com roubo e estupro. Ele estava em liberdade desde o dia 18 de dezembro de 2018, mediante progressão de pena para o regime aberto, no entanto, continuou cometendo ações delituosas na região. (Fotos: Mais Notícias/WhatsApp)

Da Redação: Com informações da SSP/SE
Contatos: gilsondeoliveira@gilsondeoliveira.com.br
WhatsApp: (79) 9-9977-1266 (Colabore com o Site com sugestões, fotos e vídeos)
*Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

 

comentários

WhatsApp: (79) 99977.1266
Email: gilsondeoliveira@gilsondeoliveira.com.br
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2020 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva