Ótica Perfil

Cinco detentos fogem do Complexo Penitenciário da Capital Sergipana

Durante a madrugada | 21.05.2020 às 14:00h

Na madrugada desta quinta-feira (21) aconteceu a fuga 05 (cinco) detentos do Complexo Penitenciário Advogado Antônio Jacinto Filho (Compajaf), situado no Bairro Santa Maria, Zona Sul da capital sergipana.

O caso foi confirmado pela Secretaria de Justiça, Trabalho e Defesa do Consumidor (Sejuc). O Estado de Sergipe estava há mais de 03 anos sem registro de fuga nas unidades prisionais.

Os cinco internos estavam em um setor de isolamento, por apresentarem com sintomas de contaminação da Covid-19 e conseguiram fugir pela parte externa do pavilhão. Entre os fugitivos se encontra Adriano de Jesus Santos de 38 anos, conhecido por Adrianinho, que é natural de Itabaiana (SE).

Logo após a descoberta da fuga, o Departamento do Sistema Prisional (Desipe) acionou a perícia para averiguar em quais condições a fuga aconteceu. Já as equipes de policiais penais e da Secretaria da Segurança Pública de Sergipe (SSP/SE) deram início as diligências para tentar localizar os fugitivos.

Confira a relação completa dos fugitivos e o histórico de cada um deles:

Adriano de Jesus Santos, o "Adrianinho", é considerado pela polícia como de alta periculosidade com envolvimento em assaltos, tráfico de drogas e cerca de duas dezenas de homicídios. Em um deles chegou a arrancar a cabeça da vítima e usar como bola. Ele também já conseguiu fugir do Complexo Penitenciário Manoel Carvalho Neto (Copemcan), em São Cristóvão/SE, se passando por uma mulher.

Aderaldo da Conceição Lima de 32 anos, é acusado de integrar um grupo criminoso com atuação nos estados de Sergipe especializado em roubos a residências e estabelecimentos comerciais. Em outubro de 2016, fugiu através de um túnel do Presídio Senador Leite Neto, em Nossa Senhora da Glória/SE. Ação que também contou com a participação de Adrianinho.

Felizardo dos Santos Saraiva de 45 anos, é acusado de participar de um sequestro ocorrido em setembro de 2017, no bairro Coroa do Meio, em Aracaju. A ação criminosa rendeu ao grupo R$ 65 mil. Além disso, ele teria participado de vários assaltos na capital. Felizardo foi preso em junho de 2018 em Maceió (AL).

Carlos Alberto Cassiano de Freitas de 35 anos, foi preso pela Polícia Federal em março de 2016, em uma operação que resultou na apreensão de cerca de 400 kg de cocaína. As investigações apontaram que ele era o chefe do grupo criminoso responsável por receber e distribuir maconha e cocaína em Sergipe.

Erisvaldo Cardoso Crispim de 26 anos, é acusado de participar do assassinato de um homem na cidade de Salgado/SE. O crime aconteceu durante um show na praça de eventos em janeiro de 2018.

Da Redação: Gilson de Oliveira
Contatos: gilsondeoliveira@gilsondeoliveira.com.br
WhatsApp: (79) 9-9977-1266 (Colabore com o Site com sugestões, fotos e vídeos)
*Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

 

comentários

WhatsApp: (79) 99977.1266
Email: gilsondeoliveira@gilsondeoliveira.com.br
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2020 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva