Ótica Perfil

Sergipano é morto em São Paulo após ter o corpo incendiado

Morador de Rua | 07.01.2020 às 04:43h

A Polícia do Estado de São Paulo está investigando o incêndio criminoso que resultou na morte do morador de rua Carlos Roberto Vieira da Silva de 39 anos, fato ocorrido na noite do último domingo (05), no entanto, a vítima faleceu nesta segunda-feira (06). O autor do crime, segundo a polícia, trata-se também de um morador de rua. Ele já foi identificado, o entanto, ainda se encontra foragido.

Carlos Roberto era natural do município de Nossa Senhora da Glória, no Sertão sergipano, e dormia na calçada de um supermercado no Bairro da Mooca, localizado a Zona Leste da capital paulista, quando foi atingido pelo fogo, após uma ação criminosa.

Imagens das câmeras de segurança mostram o momento em que um suspeito atira um objeto perto do morador de rua, que se encontrava dormindo embaixo da cobertura de um supermercado. Num determinado instante o fogo do objeto parece apagar, quando o indivíduo se aproxima novamente da vítima e joga um líquido nas chamas provocando uma explosão. Em seguida, o criminoso foge e o morador de rua corre, com o corpo em chamas, quando algumas pessoas que passavam no local e o ajudam a apagar as chamas.

Com base em informações passadas para a polícia por moradores do bairro, Carlos Roberto dormia no local há mais de um ano e era bastante conhecido na região. Ele ainda chegou a ser socorrido pelo Corpo de Bombeiros e levado para o hospital, mas, devido às queimaduras de segundo e terceiro grau em mais de 70% do corpo, não resistiu às graves lesões.

Da Redação: Gilson de Oliveira
Contatos: gilsondeoliveira@gilsondeoliveira.com.br
WhatsApp: (79) 9-9977-1266 (Colabore com o Site com sugestões, fotos e vídeos)
*Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

 

comentários

WhatsApp: (79) 99977.1266
Email: gilsondeoliveira@gilsondeoliveira.com.br
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2020 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva