Ótica Perfil

Catador de lixo, suspeito de matar caminhoneiro em Itabaiana, é capturado no Baixo São Francisco Sergipano

Depois de oito meses | 11.04.2019 às 19:25h

Em uma ação conjunta, envolvendo policiais civis das delegacias de Brejo Grande e Regional de Itabaiana, prenderam o indivíduo Ítalo Rian Santana Santos de 18 anos, indiciado pelo homicídio que vitimou Manoel Gomes de Oliveira Filho, conhecido como "Pezão".

O crime foi praticado por volta das 7:30 da manhã de 17 agosto de 2018 na Rua Abdias Venâncio Neto, no bairro Serrano, em Itabaiana, região do Agreste de Sergipe.

De acordo com o delegado Tarcísio Tenório, da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa da Delegacia Regional Itabaiana, as investigações apontaram que, a vítima foi defender uma vizinha que havia reclamado com o acusado por ter mexido no lixo na porta de casa, o indivíduo se armou com um pedaço de madeira e desferiu vários golpes na cabeça do cidadão, sem oferecer chance de defesa ao mesmo.

Pezão exercia a atividade de caminhoneiro e estava enfrentando problemas de saúde na coluna vertebral, inclusive apresentava dificuldades de locomoção. Em decorrência da gravidade das lesões, ele faleceu em via pública, enquanto o suspeito fugiu da cena do crime.

Logo após o assassinato, as policiais Civil e Militar realizaram diligências na tentativa de prender Ítalo Rian, porém não houve sucesso nas buscas, uma vez que ele sempre mudava de endereço entre Brejo Grande e Ilha das Flores. (Foto: Arquivo/Gilson de Oliveira)

Ítalo Rian é natural de Itabaiana/SE e por meio de denúncias, ele foi localizado na quarta-feira (10) escondido na casa de parentes.

Da Redação: Gilson de Oliveira
Contatos: gilsondeoliveira@gilsondeoliveira.com.br
WhatsApp: (79) 9-9977-1266 (Colabore com o Site com sugestões, fotos e vídeos)
*Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

 

comentários

WhatsApp: (79) 99977.1266
Email: gilsondeoliveira@gilsondeoliveira.com.br
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2019 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva