Ótica Perfil

Policial Civil natural de Itabaiana morreu em rodovia estadual

| 02.01.2008 às 15:18h

O policial civil Carlos Alberto Bispo, 47 anos, morreu em acidente de carro registrado na noite do último dia 31, na rodovia estadual SE 270, que liga o povoado Caueira, em Itaporanga d´Ajuda, à BR-101. Conhecido por Carlos Alberto de Corcínio, o policial era natural de Itabaiana.
Carlos Alberto Bispo seguia em direção a Aracaju acompanhado do filho Carlos Henrique, 22 anos, que também morreu no acidente.

Carlos Alberto estava na Polícia Civil desde o dia 20 de fevereiro de 1984 e já tinha passado por cursos de treinamento de capacitação de recursos humanos sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) e também atuou em várias unidades da Polícia Civil sergipana. 
Atualmente, ele atuava na Divisão de Homicídio e Proteção à Pessoa da Polícia Civil. O corpo de Carlos Alberto Bispo foi sepultado no final da tarde desta terça-feira, dia 2, em Itabaiana.

Balanço do feriadão

Segundo a Polícia Rodoviária Federal, 14 acidentes foram registrados nas rodovias que cortam o estado durante a operação ano novo iniciada às 0h do último dia 28 de dezembro até a meia noite desta terça-feira, dia 1º.
Desse total de acidentes 16 pessoas saíram feridos, sendo três graves e quatro mortes.
O acidente mais grave ocorreu no último sábado, dia 29, na BR-101 próximo ao município de Própria, vitimando quatro pessoas de uma mesma família que saíram de Maceió para passar o ano novo em Aracaju.
O Santana, que transportava oito pessoas, colidiu contra um veículo pick-up S10.

Já a Companhia Estadual de Trânsito, CPRV, registrou 17 acidentes nas rodovias estaduais. Este ano 80% dos acidentes foram registrados nas rodovias do Litoral Sul do Estado.
Foto: Reprodução

Contatos: gilsondeoliveira@itnet.com.br

comentários

WhatsApp: (79) 99977.1266
Email: gilsondeoliveira@gilsondeoliveira.com.br
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2020 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva