Ótica Perfil

Sargento PM de Sergipe reage a assalto, mata criminoso e também morre após ser ferido no tórax

Invasão a chácara | 02.09.2018 às 10:46h

Durante tentativa de assalto a uma chácara, localizada no povoado Matapoã, na região do Mosqueiro, Zona de Expansão de Aracaju (SE), o sargento Marcos Antônio Borges de Campos de 45 anos, decidiu reagir a ação dos criminosos e acabou sendo alvejado fatalmente no tórax.

O fato ocorreu no início da noite de sábado (1.º) e na troca de tiros o policial ainda conseguiu acertar um dos bandidos, que também não resistiu à gravidade do ferimento. Outros dois indivíduos conseguiram fugir do local logo após o comparsa ser morto. (Foto: Reprodução/Mais Notícias)

O sargento Borges da Polícia Militar de Sergipe, estava na chácara na companhia de familiares e amigos, onde havia alugado o espaço para comemorava a sua promoção, quando foi surpreendido pelos marginais. (Foto: Assaltante morto/Reprodução das Redes Sociais)

Mesmo ferido, o sargento chegou a gravar um áudio com pedido de socorro e em seguida, divulgou nas redes sociais, no entanto, ele acabou evoluindo a óbito ainda na chácara. O sargento era casado e tinha quatro filhos.

Este é o segundo caso registrado na capital sergipana em menos de um ano. Na tarde de 31 de maio a sargenta Eliana Costa da Silva de 46 anos, foi morta a tiros durante um assalto praticado por um adolescente de 16 anos.

O latrocínio aconteceu no conjunto Orlando Dantas, na Zona Sul de Aracaju, no momento em que ela reagiu a ação do infrator. O suspeito foi apreendido e cumpre atualmente medidas socioeducativas.

A sargenta era natural de Pão de Açúcar ( AL) e estava à disposição da Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese). Ela também era casada e mãe de dois filhos menores de idade.

Após tomar conhecimento do fato o comando da Polícia Militar de Sergipe (PM/SE) emitiu uma nota.

NOTA DE PESAR

É com extremo pesar que a Polícia Militar do Estado de Sergipe lamenta o falecimento do sargento Marcos Antônio Borges de Campos, ocorrido na noite deste sábado, 1º, no Povoado Matapuã, Zona de Expansão da capital.

O policial militar estava de folga e comemorava em sua chácara a recente promoção à graduação de sargento com familiares e amigos, quando três indivíduos armados invadiram a propriedade. O PM entrou em confronto com os bandidos e conseguiu alvejar, em legítima defesa, um deles, que veio a óbito, mas em seguida o policial foi atingido na região do tórax.

O militar chegou a pedir socorro por telefone e em redes sociais, mas não resistiu aos ferimentos e faleceu em sua própria residência. O policial fazia parte da Corporação desde 1994 e acumulava elogios dos colegas de farda por conta da conduta moral e profissional com que sempre atuou.

Velório

O velório será realizado no Salão Paroquial da Igreja Nossa Senhora do Loreto, no Conjunto Eduardo Gomes, município de São Cristóvão.

À família enlutada, a PM/SE apresenta os mais sinceros sentimentos de solidariedade e respeito pela imensa dor da perda e informa que não medirá esforços para encontrar os outros infratores envolvidos no crime.

Da redação: Gilson de Oliveira
Contatos: gilsondeoliveira@gilsondeoliveira.com.br
WhatsApp: (079) 9-9977-1266 (Esse número não recebe ligações)
*Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

 

comentários

WhatsApp: (79) 99977.1266
Email: gilsondeoliveira@gilsondeoliveira.com.br
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2020 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva