Ótica Perfil

Polícia Civil prende mãe suspeita de cegar os filhos para receber benefícios sociais

Em Itabaiana/SE | 29.08.2018 às 17:50h

Policiais lotados na Delegacia de Atendimento a Grupos Vulneráreis (DAGV) de Itabaiana (SE) prenderam nesta quarta-feira (29) uma mãe suspeita de causar enfermidade incurável nos filhos com o objetivo de receber benefícios previdenciários.

A Polícia Civil investiga como os três filhos da mulher de 29 anos têm a mesma doença mesmo sendo de pais diferentes e não tendo caso parecido na família. Segundo as investigações, ela colocava um produto, ainda de origem desconhecida, no colírio para provocar a cegueira das crianças.

Consta no Inquérito Policial que imediatamente após o diagnóstico da doença, a investigada requereu ao INSS o benefício financeiro correspondente e que não há nenhuma receita médica que comprove a origem dos medicamentos usados pelos filhos.

De acordo com a delegada Josefa Valéria Andrade, responsavel por coordenar as investigações, o caso corre em segredo de justiça e os nomes dos envolvidos, bem como a natureza da doença não podem ser divulgados.

A prisão preventiva da investigada foi representada pela delegada, depois de serem colhidas as provas de que, mesmo afastada do convívio dos filhos pela Justiça, a mãe mantinha contato com eles diariamente, inclusive orientando eles como deveria ser prestado o depoimento na delegacia.

As vítimas passam por acompanhamento médico, mas, após inúmeros exames e tratamentos, a origem da doença não foi identificada. A delegada solicita a quem tiver qualquer informação que possa ajudar na investigação, que colabore com a polícia ligando para o Disque-Denúncia 181.

Da redação: com informações da DAGV de Itabaiana
Contatos: gilsondeoliveira@gilsondeoliveira.com.br
WhatsApp: (079) 9-9977-1266 (Esse número não recebe ligações)
*Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

 

comentários

WhatsApp: (79) 99977.1266
Email: gilsondeoliveira@gilsondeoliveira.com.br
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2020 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva