Ótica Perfil

Cabo da PM, diagnosticado com Leucemia, morre após 15 dia de internação em hospital de Aracaju

Vencido pela doença | 27.06.2018 às 18:27h

Depois de 01 ano e meio de luta contra uma Leucemia Linfoide Aguda, o Cabo da Polícia Militar de Sergipe, Rômulo dos Santos Oliveira de 35 anos, faleceu nesta quarta-feira (27).

O PM encontrava-se internado no Hospital Renascença, em Aracaju (SE), desde a sexta-feira (15) e no sábado (23), véspera de São João, seu quadro clínico se agravou e ele foi encaminhada para a UTI da unidade hospitalar.

Cabo Rômulo era lotado no Grupamento Especial Tático Motorizado (GETAM), vinculado ao 3.º Batalhão de Polícia Militar (3.º BPM), com sede na cidade de Itabaiana, no Agreste sergipano, e a doença foi descoberta em janeiro de 2017 quando ele fazia os exames para ser promovido a cabo da PM.

Durante todo o ano de 2017 foram realizadas diversas campanhas por todo o Estado de Sergipe, a exemplo de Itabaiana, Canindé do São Francisco, Tobias Barreto, Estância, Própria, Aracaju, entre outros municípios, para cadastrar doadores de medula óssea.

Em outubro do ano passado o policial recebeu a notícia havia sido encontrado dois doadores compatíveis de medula óssea, sendo ambos do exterior. Após passar por avaliações médicas, ele iniciou o tratamento, mas não conseguiu destruir as células cancerígenas para posteriormente realizar o transplante, que deveria ocorrer em Recife (PE).

O corpo será velado na sede do Getam, em Itabaiana, localizada na Avenida Dr. Luiz Magalhães, em frente ao Fórum. O sepultamento ocorrerá nesta quinta-feira (28) às 16 horas no cemitério municipal do povoado Candeias, município de Moita Bonita (SE).

Rômulo deixa esposa e dois filhos menores com 01 e meio e 03 anos, respectivamente. Ele era natural de Moita de Bonita, no Agreste sergipano (SE).

Da redação: Gilson de Oliveira
Contatos: gilsondeoliveira@gilsondeoliveira.com.br
WhatsApp: (079) 9-9977-1266 (Esse número não recebe ligações)
*Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

 

comentários

WhatsApp: (79) 99977.1266
Email: gilsondeoliveira@gilsondeoliveira.com.br
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2020 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva