Ótica Perfil

Suspeito pelo delito de homicídio na cidade de Lagarto é preso pela PC em Areia Branca

A golpes de faca | 21.09.2017 às 20:37h

Policiais civis da Divisão de Homicídios da Delegacia Regional de Lagarto (SE), com apoio do Departamento de Inteligência da Polícia Civil (Dipol), efetuaram na manhã de quarta-feira (20), a prisão de Paulo Sérgio de Oliveira Santos de 30 anos, suspeito de envolvimento no homicídio que vitimou Jonas Modesto de 47 anos, no dia 10 de agosto deste ano.

Foto: Ascom da SSP/SE

O pedido de prisão temporária foi expedido pelo Juízo da Vara Criminal do município atendendo à solicitação do delegado Tarcísio Tenório, responsável pelo caso. De acordo com as investigações, Paulo Sérgio é suspeito de ter desferido diversos golpes contra a vítima utilizando uma faca de serra. Após o crime, ele fugiu para a cidade de Itabaiana e posteriormente se encaminhou até a cidade de Areia Branca, onde foi preso.

Além de Paulo, as investigações apontaram que o crime contou com a participação de um segundo homem identificado como Alber Alves dos Santos, 19 anos, conhecido como "Ebinho" que ainda encontra-se foragido.

Foto: Divulgação / Polícia Civil

Na chegada da polícia ao local do crime a residência foi encontrada fechada com cadeado, onde o mesmo teve que arrombado para que os agentes pudessem adentrar ao imóvel e a vítima estava sem as roupas em um dos quartos, com algumas lesões no abdome e no rosto.

Durante a perícia na cena do crime foram descobertas duas digitas pertencentes a Paulo Sérgio, sendo uma na faca utilizada no assassinato e a outra em um CD. Ao encaminhar a faca ao Instituto de Criminalística foi encontrado mais outro fragmento e no confrontar com as digitais dos suspeitos, constatou-se que as elas pertenciam a Paulo Sérgio.

A vítima possuía problemas mentais, morava sozinha e era assistido por uma curadora, além de receber ajuda de amigos de uma igreja evangélica a qual frequentava.

Paulo Sérgio já tem passagem pela polícia pelo crime de violência doméstica cometido contra sua ex-companheira. As investigações continuam a fim de concluir as investigações e localizar o foragido.

Da redação: Gilson de Oliveira com informações da Ascom da SSP/SE
Contatos: e-mail: gilsondeoliveira@gilsondeoliveira.com.br
WhatsApp: (079) 9-9660-2561 (Não recebe chamadas)
*Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

 

comentários

WhatsApp: (79) 99977.1266
Email: gilsondeoliveira@gilsondeoliveira.com.br
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2019 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva