Ótica Perfil

Tribunal de Contas da União aponta irregularidades no Bolsa Família de Itabaiana

Bolsa Família | 26.08.2009 às 07:04h
A prefeitura de Itabaiana recebeu um relatório de uma auditoria realizada pelo Tribunal de Contas da União apontando 1.068 irregularidades no cadastro de beneficiados do programa Bolsa-Família, do governo federal, o qual permite às famílias de baixa renda, o recebimento de uma ajuda mensal retirada diretamente da Caixa Econômica Federal.

No relatório da auditoria, das 1.068 famílias que recebiam a ajuda do governo federal, 205 pessoas beneficiadas pelo programa Bolsa-Família, possuem algum tipo de veículo registrado em seu nome. A informação foi confirmada pelos auditores, ao fazerem o cruzamento dos dados do programa com a base de dados do RENAVAM, sistema do governo federal que armazena todos os dados dos proprietários de veículos automotores. Destes beneficiados, 21 possuem automóveis, 04 possuem micro-ônibus, 151 possuem motocicletas e 35 pessoas possuem caminhões.

De acordo com o mapa das irregularidades, os bairros com maior concentração de problemas são: o centro da cidade, com 203 famílias "beneficiadas", seguido pelos bairros Campo Grande, 74, Bananeiras, 72 e Miguel Teles de Mendonça, com 55 famílias.

Dentre as pessoas que possuem veículos e que recebem o benefício do programa Bolsa Família, o recordista é um morador do povoado Rio das Pedras, o qual tem registrado em seu nome, de acordo com a auditoria do TCU, 04 veículos, sendo 01 automóvel, 2 motocicletas e um caminhão. Outra informação grave é a de que no cadastro da prefeitura constavam os nomes de 64 pessoas que, pelas informações do governo federal, já faleceram.
Da redação:
Mais Notícias
Comentários
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2018 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva