Ótica Perfil

Dados divulgados pela SSP apontam 108 assassinatos cometidos no município de Itabaiana em 2016

Agreste Sergipano | 13.12.2016 às 19:58h

Situado no Agreste Central, o município de Itabaiana apresenta um dos maiores índices de violência do Estado de Sergipe no ano de 2016.

De acordo com dados apresentados pela Secretaria da Segurança Pública (SSP), até o momento ocorreram 108 assassinatos, sendo que os três últimos foram registrados nesta segunda-feira (12), onde Luiz Paulo dos Santos de 30 anos foi morto por disparos de pistola calibre 380mm dentro de uma oficina na Avenida José Amâncio Bispo, no bairro Miguel Teles de Mendonça.

O crime aconteceu por volta das 10h30 da manhã e há indícios que Luiz Paulo pode ter sido assassinado por engano, uma vez que o alvo do criminoso seria um irmão da vítima.

Já por volta do meio-dia ocorreu um duplo homicídio na Rua Manoel Teles de Mendonça com a Avenida Pedro Teles Barbosa na via lateral da BR-235, tendo como vítimas Ginaldo Almeida Santos de 38 anos, conhecido por Chupa Cabra, e Marcela Silva Santos, 22 anos.

O casal encontrava-se com amigos em um bar quando uma dupla em motocicleta chegou ao local e foram efetuados vários disparos com pistola calibre 380mm. O homem foi alvejado na cabeça e morreu dentro do estabelecimento, enquanto sua companheira correu, mas mesmo assim também acabou sendo atingida e evoluiu a óbito em via pública.

No levantamento da SSP é apontado o registro de cinco latrocínios (Roubo seguido de morte), sete mortes em decorrência de operação policial e 96 homicídios dolosos, quando há a intenção de matar.

Neste mês de dezembro já ocorreram 5 assassinatos, enquanto novembro, com 15 mortes, aparece como o mês mais violento, seguido de janeiro com 14.

Outro fato que chama a atenção é que 21 adolescentes foram assassinados neste ano de 2016, sendo que desse total apenas um jovem foi vítima de latrocínio.


Da redação: Gilson de Oliveira
Contatos: e-mail: gilsondeoliveira@gilsondeoliveira.com.br
WhatsApp: (079) 9-9660-2561 (Não recebe chamadas)
*Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

 

comentários

WhatsApp: (79) 99977.1266
Email: gilsondeoliveira@gilsondeoliveira.com.br
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2020 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva