Ótica Perfil

Mortes com emprego de arma de fogo, por enforcamento, queda da própria altura e acidente de trânsito são registradas pelo IML

Capital e interior | 17.09.2016 às 12:05h

Seis corpos foram autopsiados nas últimas 24 horas pelo plantão do Instituto Médico Legal Doutor Augusto César Leite, na capital sergipana, e as mortes tiveram como causas homicídios por arma de fogo, acidente de trânsito, enforcamento e queda da própria altura.

As vítimas foram identificadas como Adelvan Sirino de Lima, 29 anos, que foi assassinado a tiros na cidade de Nossa Senhora da Glória, no Alto Sertão sergipano; José Maurício Santos de 40 anos, também morto por disparos de arma de fogo, em Aracaju; Gilferson Soares Barbosa de 15 anos, morto por enforcamento na cidade de Cristinápolis; Valdemir Santos de Jesus de 24 anos, sendo outro caso de suicídio por enforcamento ocorrido na Rua São José, no bairro Sítio Porto, em Itabaiana; José Milton Alves dos Santos, com idade não revelada, foi vítima de queda da própria altura na capital sergipana, e Manoel Vera Cruz Caldeira Filho de 53 anos, vítima de acidente de trânsito, em Aracaju.

Todos os casos foram registrados durante a sexta-feira, dia 16, de acordo com informações fornecidas pela Assessoria de Comunicação do IML.


Da redação: Gilson de Oliveira
Contatos: e-mail: gilsondeoliveira@gilsondeoliveira.com.br
WhatsApp: (079) 9-9660-2561

*Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

 

Mais Notícias
Comentários
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2017 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva