Ótica Perfil

As obras do Estádio Presidente Médici acabaram, mas as críticas continuam

FUTEBOL | 10.01.2011 às 18:19h

 
Clique na imagem para ampliá-la

Com o término das obras de reforma e ampliação do Estádio Presidente Médici as críticas por parte de alguns integrantes da imprensa itabaianense são direcionadas agora quanto a indefinação na data de reabertura oficialmente da praça de esportes da nossa cidade.

Esquecem os críticos de plantão que as obras foram executadas pelo Governo do Estado, e portanto, é a adminsitração estadual quem deve definir qual a melhor data para a reinauguração do estádio.

Inclusive, esses mesmos críticos já anunciaram, sem consultar a Secretaria de Esportes do Estado, a presença de equipes como Flamengo, Corinthians, Bahia e tantas outras do futebol brasileiro para a festa de reabertura do Médici.

Agora, invés de gastar dinheiro trazendo um clube do Sul, Sudeste ou de onde quer que seja, não seria melhor incentivar o Governo a adquirir prêmios valiosos para sortear com os torcedores na partida de estreia da Associação Olímpica de Itabaiana no Campeonato Sergipano da Primeira Divisão e aproveitar a mesma data para fazer a festa de reabertura do Estádio Presidente Médici?

Mas, certos cronistas preferem promover o esporte sergipano fazendo críticas sem fundamento, o que é lamentável sobre todos os aspectos, e para piorar a situação já existem até profissionais de nossa cidade procurando fazer intrigas com outros colegas por causa do escudo do Tricolor da Serra que foi construido no fundo de gol, localizado no novo setor das arquibancadas, uma vez que só o estádio de Itabaiana possui a tal obra.

Não seria melhor usar os espaços e o tempo para promovermos as equipes para que tenhamos uma competição de alto nível e naturalmente com grandes arrecadações?

Mas, infelizmente essas pessoas ainda dizem que contribuem para o crescimento do nosso futebol e de nossos clubes, inclusive tiveram a infeliz idéia de sugerir que os jogos do Itabaiana fossem realizados aos domingos pela manhã. Com certeza o objetivo principal seria matar jogadores, torcedores e os demais profissionais que trabalham em uma partida de futebol, ou então esqueceram que nós moramos na região Nordeste do Brasil.

De uma coisa é certa, com as obras de recuperação da estrutura de concreto e ampliação do setor de arquibancadas o novo Estádio Presidente Médici ficou a altura do torcedor itabaianense e da Associação Olímpica de Itabaiana.

 
Clique na imagem para ampliá-la

Lamentável apenas é que a calçada do lado da Avenida Manoel Francisco Teles não será recuperada, o que deixa transparecer para a população é que a obra foi apenas uma meia-sola. Não custava nada gastar uns sacos de cimento a mais e fazer o reparo da mesma.  

A utilização deste e outros artigos deve respeitar a Lei dos Direitos Autorais. Sua veiculação está previamente autorizada desde que as informações autorais sejam citadas.

Da redação:
Mais Esporte
Comentários
Gilson de Oliveira - mais notícias
2007 - 2018 Gilson de Oliveira, mais notícia
Desenvolvido por Anderson Silva